Cruzeiro

COPA DO BRASIL

Mano diz que mudança de regulamento para a final da Copa do Brasil altera estratégia

Grande decisão do torneio ocorrerá no Mineirão, no dia 27 de setembro

postado em 24/08/2017 16:38 / atualizado em 24/08/2017 17:16

Divulgação / Cruzeiro

O técnico Mano Menezes comentou, em evento na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), nesta quinta-feira, a mudança de regulamento para a final da Copa do Brasil. Nesta fase, não há regra do gol qualificado fora de casa. Para o comandante da Raposa, essa alteração reflete na estratégia para os jogos finais do torneio.

“Nós sabemos que todo mundo que vai jogar fora de casa tem o objetivo de fazer um gol, e isso altera a disputa do jogo seguinte. Continuamos tentando fazer um gol fora de casa, com saldo simples, com o objetivo de vencer a partida, de fazer o resultado, ou no mínimo empatar. Mas  muda, sem dúvida nenhuma, como estratégia”, afirmou Mano Menezes.

Com a alteração no regulamento, empates por qualquer placar e vitórias de cada lado com a mesma diferença de gols levam a decisão da Copa do Brasil para os pênaltis.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sorteou, na tarde desta quinta-feira, os mandos de campo das finais da Copa do Brasil. Cruzeiro e Flamengo fazem o primeiro jogo no Rio de Janeiro, no dia 7 de setembro, às 21h45. A grande decisão ocorrerá em Belo Horizonte, no dia 27 de setembro, no mesmo horário da primeira partida.

Mano Menezes acredita que o Cruzeiro chega com moral à decisão depois de ter um caminho árduo.  Para chegar à final, a Raposa eliminou Volta Redonda-RJ, São Francisco-PA, Murici-AL, São Paulo, Chapecoense, Palmeiras e Grêmio.

“O jogo contra o São Paulo, o primeiro gigante que a gente pegou foi importante. E, quando você enfrenta e passa por um a equipe com histórico de vencer e de ser campeão como o São Paulo, a confiança interna aumenta”, disse Mano.

Esta será a terceira final de Copa do Brasil do treinador do Cruzeiro. Mano venceu a competição uma vez, em 2009, pelo Corinthians. Pelo Timão, perdeu a final em 2008. O gaúcho também fez uma grande campanha com o 15 de Novembro em 2004, quando chegou à semifinal. O time do interior do Rio Grande do Sul foi eliminado pelo Santo André, que bateu o Flamengo na final.

“Comecei cedo. A minha primeira Copa do Brasil disputei com o 15 de Novembro de Campo Bom-RS. Nós ficamos em terceiro na Copa do Brasil com o 15 de Novembro, que era quase um campeonato mundial em termos de conquistas. É torneio, é bom de você jogar, não precisa buscar subterfúgios para motivar os jogadores, a disputa está ali, o objetivo está ali na frente. Passados 180 minutos, alguém vai ser campeão. Então, é uma disputa diferente. E a gente se adapta bem a ela, e consegue fazer resultados importantes”, afirmou Mano Menezes.

Tags: cruzeiro flamengo flamengorj copadobrasil final mano regulamento