Cruzeiro
1

CRUZEIRO

Henrique completa 500 jogos pelo Cruzeiro e diz que 'luta continua' para se afastar do Z4

Volante está em sua segunda passagem pelo clube, iniciada em 2013

postado em 25/09/2019 22:25 / atualizado em 26/09/2019 03:00

<i>(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)</i>
Henrique completou 500 jogos pelo Cruzeiro no empate por 0 a 0 com o Ceará, nesta quarta-feira, no Castelão, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois da partida, o volante falou sobre a expressiva marca e lamentou alcançá-la em um momento tão ruim da equipe na temporada.

“Desde criança, nunca imaginei viver uma história e uma marca tão grandiosa que é essa de 500 jogos pelo Cruzeiro. Uma instituição tão grande, tão vitoriosa. Nunca imaginei vivenciar isso. Sou grato por viver intensamente em um clube que aprendi a gostar, a amar, e claro que não queria viver essa marca nesse momento. Mas tudo é aprendizado e vamos trabalhar, lutar, para sair dessa situação”, disse o camisa 8, em entrevista ao canal Premiere.

O resultado em Fortaleza fez o Cruzeiro subir provisoriamente do 18º para o 16º lugar, com 19 pontos. A ordem nesta quinta-feira é ‘secar’ os concorrentes CSA (17º, com 19) e Fluminense (18º, com 18), que enfrentam, respectivamente, Palmeiras (fora) e Santos (casa). Por essas circunstâncias, Henrique não considerou o placar positivo, principalmente porque o time celeste criou muitas chances para marcar no primeiro tempo e alcançar a vitória.

“Não (foi um bom resultado) pela circunstância de jogo, pela posição que estamos na tabela. Merecíamos um resultado melhor, uma vitória, principalmente no primeiro tempo. Criamos boas chances de gols, o goleiro fez defesas importantes. Imprimimos um ritmo muito forte no primeiro tempo para sair com a vantagem”.

Na próxima segunda-feira, às 20h, a Raposa volta a campo contra o Goiás, no Serra Dourada, em Goiânia, pela 22ª rodada da Série A. Na visão Henrique, ‘a luta continua’ para se afastar do Z4. “A luta continua, sem luta não há vitória. Precisamos continuar lutando para que nossa equipe saia dessa posição tão desconfortável”.

Aos 34 anos, Henrique está em sua segunda passagem pelo Cruzeiro, iniciada em janeiro de 2013. Como capitão, ele levantou os troféus da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, e do Campeonato Mineiro, em 2018 e 2019. Antes, conquistou duas edições do Brasileiro, em 2013 e 2014, e uma do estadual, em 2014.

No primeiro período no clube celeste, entre 2008 e 2011, Henrique celebrou três mineiros (2008, 2009 e 2011) e foi vice-campeão da Copa Libertadores (2009). Com a camisa azul, o meio-campista marcou 27 gols.

No ranking dos jogadores que mais atuaram pelo Cruzeiro, Henrique é o oitavo (500). Acima dele estão Vanderlei (538), Eduardo Amorim (556), Raul (557), Piazza (566), Dirceu Lopes (610), Zé Carlos (633) e Fábio (854).

Henrique pelo Cruzeiro


Jogos: 500

Gols: 27

Títulos: 10

- Campeonato Brasileiro - 2013 e 2014

- Copa do Brasil - 2017 e 2018

- Campeonato Mineiro - 2008, 2009, 2011, 2014, 2018 e 2019

Campanhas de destaque

Copa Libertadores 2009: segundo lugar

Campeonato Brasileiro 2008: terceiro lugar

Campeonato Brasileiro 2009: quarto lugar

Primeira passagem (2008 a julho de 2011): 180 jogos e 12 gols

Segunda passagem (desde fevereiro de 2013): 320 jogos e 15 gols 

Por temporada


2008: 36 jogos e 2 gols

2009: 61 jogos e 4 gols

2010: 58 jogos e 4 gols

2011: 25 jogos e 1 gol

2013: 9 jogos e nenhum gol

2014:
55 jogos e 2 gols

2015: 56 jogos e 3 gols

2016: 53 jogos e 6 gols

2017: 53 jogos e 2 gols

2018: 52 jogos e 1 gol

2019: 42 jogos e 0 gol

Tags: interiormg seriea futnacional henrique cruzeiro