Cruzeiro

CRUZEIRO

Rodriguinho vê acordo distante com Cruzeiro e espera definir futuro em uma semana

Rodriguinho tem negociações em duas frentes: rescisão e novo clube

postado em 23/01/2020 00:23 / atualizado em 23/01/2020 02:45

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D. A Press)
De volta ao time do Cruzeiro nesta quarta-feira, pela abertura do Campeonato Mineiro, após quase oito meses inativo em decorrência de uma hérnia de disco na coluna, o meia Rodriguinho tem pressa para definir o seu futuro. Apesar de ter participado da vitória por 2 a 0 sobre o Boa Esporte, o jogador  de 31 anos dificilmente permanecerá no clube nesta temporada. Dono de um dos salários mais altos do elenco, ele não está disposto a aceitar a readequação financeira para ganhar, nesta temporada, o teto de R$ 150 mil por mês.

Rodriguinho tem negociações em duas frentes. Primeiro, precisa chegar a um acordo com o Cruzeiro para receber os salários atrasados de 2019 e saber como será uma eventual rescisão. Paralelamente, ele e seu agente escutam propostas de outros clubes.

Segundo o meio-campista, a intenção é definir tudo até a próxima semana. Por enquanto, não há acordo com o Cruzeiro para seguir na Toca da Raposa II ou para rescindir.  “Em breve, acho que teremos alguma definição disso daí. É difícil o momento que o clube vive, temos um contrato e teoricamente eles têm que cumprir. Vamos ver o que é melhor pra mim, para o Cruzeiro e a gente vai chegar a uma definição o mais rápido possível”.

“Se (a proposta do Cruzeiro) tivesse me agradado, a gente já teria resolvido. Então, a gente está tentando chegar num ponto comum. Não é fácil, é uma situação complicada. A gente sabe do momento que o clube vive. Eu me coloquei à disposição para jogar nesse primeiro momento. Espero, em breve, nessa semana ou na próxima, no máximo, poder chegar a um acordo. E vamos ver o que vai ser pela frente. Eu acho que sim (está distante o acordo). Mas eu também entendo o lado do clube, pela dificuldade que está tendo de reconstruir, já que todos acompanham a situação. É bem complicada. Mas a gente espera, nessa semana, resolver tudo isso”.

A chance de seguir na Toca da Raposa II é remota. A diretoria não flexibilizará o teto para segurar o camisa 10. Rodriguinho não se mostrou confiante num acordo para a permanência. “Possibilidade sempre existe, mas a gente tem que ver o que o clube está disposto a fazer, o que eu estou disposto a aceitar”.

Depois da estreia no Mineiro, o técnico Adilson Batista comentou a situação de Rodriguinho no Cruzeiro. “É um jogador talentoso, inteligente, diferente, gosta de fazer gol, gosta de dar assistência e vai ser importante. Eu preciso respeitar a decisão dele, e ele entender a nossa realidade. Estou tentando ajudar fazendo a minha parte, faz parte do processo reconstruir. Ele também precisa entender”.


Celebração do retorno aos campos

Rodriguinho foi contratado pelo Cruzeiro ao Pyramids, do Egito, por US$ 5,5 milhões (R$ 23 milhões). Em janeiro de 2019, ele assinou vínculo de três anos, até dezembro de 2021. Como o clube deve salários ao armador e parcelas da compra aos egípcios, a permanência é quase impossível.

Em 2019, Rodriguinho disputou 20 jogos pelo Cruzeiro e marcou oito gols - quatro no Campeonato Mineiro, três na Copa Libertadores e um no Campeonato Brasileiro. Ele ficou fora da equipe no segundo semestre por causa de problemas de hérnia na região lombar.

O fim da inatividade foi comemorado pelo jogador nesta quarta-feira. Rodriguinho jogou boa parte do jogo com o Boa e foi substituído no segundo por Welinton, autor do segundo gol celeste no triunfo por 2 a 0.



“Primeiro, feliz de poder estar voltando, depois de...acho que meu último jogo foi em 26 de maio (de 2019). Então, foi um longo período parado. Consegui jogar sem dor, pra mim, foi uma alegria, uma satisfação. Lógico que a performance vai evoluir muito ainda, por tanto tempo parado e fazer um jogo quase todo no meio da garotada. Foi bom poder ajudar também. Estou muito feliz. Espero poder estar em plenas condições o mais rápido possível, pegar mais ritmo de jogo para poder ajudar mais ainda”, acrescentou.

Pela conversa que teve com a diretoria, Rodriguinho seguirá jogando pelo Cruzeiro até que seu futuro se resolva. No sábado, às 19h30, o time celeste visita o Tombense, em Tombos, na Zona da Mata, pela segunda rodada do Estadual.

Tags: cruzeiro rodriguinho serieb interiormg seriea mercadobola