Cruzeiro

CRUZEIRO

Ex-lateral do Cruzeiro diz que time não seria rebaixado com Rogério Ceni e relembra o comportamento dos 'cobras' do elenco

Weverton, do Red Bull Bragantino, disse que os jogadores experientes não conversavam com os jovens da base

postado em 08/05/2020 09:50 / atualizado em 08/05/2020 09:51

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
O lateral-direito Weverton, do Red Bull Bragantino, fez parte do elenco do Cruzeiro no ano passado, quando a equipe foi rebaixada para a Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador de 20 anos relembrou a experiência do descenso e garantiu que com Rogério Ceni no comando o time não cairia.

“Foi um sentimento muito ruim. Foi a primeira vez que passei por isso. Ver o Mineirão daquele jeito no último jogo, com todo mundo quebrando o estádio, foi frustrante”, declarou o lateral, que subiu aos profissionais no meio de 2019 e disputou cinco partidas do Brasileirão.

"Se o Rogério Ceni estivesse lá, o Cruzeiro não teria caído”, frisou. O atual técnico do Fortaleza foi contratado durante o Campeonato Brasileiro para substituir Mano Menezes. Contudo, após somente oito jogos, o comandante foi demitido. Os desentendimentos com os jogadores mais experientes do elenco, como Thiago Neves e Dedé, contribuíram para o desligamento.

Para o lateral-direito, inclusive, os atletas com mais bagagem apresentavam um comportamento diferenciado com os jovens vindos da base. “Os jogadores ‘cobras’ não conversavam as coisas perto dos jogadores da base, conversavam mais entre eles, mais reservado”, contou.

Weverton completou dizendo que se encaixava mais com o estilo de jogo proposto pelo ex-goleiro. Ele ainda destacou a atenção dada por Ceni aos jogadores recém-promovidos.

“Pelo pouco tempo que trabalhei com ele, acho que era o estilo de jogo com o qual eu me dava melhor. Era um estilo ofensivo, para frente. E ele é um cara que sempre dava moral, uma atenção melhor. Ele já foi jogador, sabe como são as coisas. Quando eu estava machucado, ele sempre me perguntava quando eu ia voltar. Quando voltei, ele conversou comigo”, concluiu.

Tags: jogadores Rogério Ceni rebaixamento cobras cruzeiroec Weverton