Cruzeiro

CRUZEIRO

Em BH desde setembro, Giovanni é oficializado como reforço do Cruzeiro

Armador precisa ser registrado no BID para ficar à disposição do técnico Felipão

postado em 29/10/2020 09:59 / atualizado em 29/10/2020 10:19

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)
Cruzeiro oficializou nesta quinta-feira a contratação do meia Giovanni, de 26 anos. O armador estava em Belo Horizonte desde o dia 24 de setembro. Enquanto a Raposa tentava resolver suas pendências na Fifa, o jogador aguardou o fim da punição celeste para tentar melhorar a forma física e conhecer o elenco.

O Cruzeiro informou que "está cuidando dos detalhes burocráticos para que o atleta seja inscrito no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e fique à disposição do técnico Luiz Felipe Scolari".

Um dos principais nomes do Coritiba na campanha de acesso do time paranaense à primeira divisão do futebol nacional em 2019, Giovanni chegou ao Cruzeiro a pedido do técnico Ney Franco. Apesar disso, Felipão também deve aproveitar o jogador.

Carreira


O ex-meia do Coritiba fez apenas dois jogos nesta temporada. O primeiro ocorreu no dia 6 de setembro, na derrota para o Atlético, por 1 a 0, no Couto Pereira, pelo Brasileiro. Em seguida, entrou em campo no dia 12 de setembro, em revés para o Athletico-PR, por 1 a 0, na Arena da Baixada. Depois do clássico, não jogou mais. Sem espaço no Coxa, acabou liberado.

Giovanni atuou pouco no ano em função de uma lesão no tendão da perna direita. Em 2019, ele participou de 42 partidas pelo time paranaense e marcou quatro gols, sendo muito ativo na campanha do acesso à Série A. Ao todo, realizou 30 jogos na Segunda Divisão pelo Coxa, com duas bolas nas redes e cinco assistências.

Em 2018, o meia trabalhou com Ney Franco no Goiás. Também ajudou o clube em busca de uma vaga na elite do futebol nacional, com 33 partidas na Série B, cinco gols marcados e nove assistências.

O armador foi revelado pelo Corinthians. Em 2012, aos 18 anos, Giovanni foi destaque do título da Copa São Paulo de Futebol Júnior, subiu aos profissionais e foi campeão do Mundial de Clubes no Japão. Apesar disso, acabou não rendendo o esperado. Por isso, deixou o Timão e passou por Ponte Preta, Portuguesa, São Bento, Athletico-PR, Tigres do Brasil e Náutico. 

Em toda carreira, segundo o site Ogol, Giovanni atuou em 201 jogos e marcou 21 gols - média de 0,1 gol por jogo.

GIOVANNI


Nome: Giovanni Piccolomo
Nascimento: 04/04/1994 (Sorocaba-SP)
Posição: Meio-campo
Carreira: Corinthians (2011-2013), Ponte Preta (2013), Portuguesa (2014), São Bento-SP (2015), Athletico-PR (2015), Tigres do Brasil-RJ (2016), São Bento-SP (2016-2017), Náutico (2017), Goiás (2018), Coritiba (2019-2020) e Cruzeiro (desde 10/2020)
Títulos: Mundial de Clubes (2013), Campeonato Paulista (2013) e Campeonato Goiano (2018)

Tags: raposa giovanni mercado cruzeiroec