Cruzeiro

CRUZEIRO

Fábio 'decreta' permanência do Cruzeiro na Série B em ano do centenário

Ídolo cruzeirense falou de dificuldades em 2020 e sobre a próxima temporada

postado em 29/12/2020 23:55 / atualizado em 30/12/2020 01:00

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)
O empate em 0 a 0 com o Cuiabá, nesta terça-feira, praticamente decretou a permanência do Cruzeiro na Série B do Campeonato Brasileiro em 2021, ano em que o clube completa 100 anos de fundação. Questionado sobre o sentimento após falhar na busca pelo acesso e ter que passar uma temporada tão marcante na segunda divisão nacional, o goleiro Fábio garantiu que seguirá tentando ajudar na retomada cruzeirense.

Maior ídolo do atual elenco e jogador que mais vezes vestiu a camisa celeste na história do clube, Fábio admitiu que as dificuldades impostas ao Cruzeiro neste ano pesaram nos resultados em campo. Ainda assim, o camisa 1 projetou que, com o apoio do torcedor, a Raposa ‘voltará forte’ para a elite brasileira.

“Independente de onde for, eu vou estar aqui, incluindo nas dificuldades. Quem é cruzeirense vai estar junto. Todo mundo viu, ao longo do ano, as dificuldades que a gente teve, não precisamos ficar citando aqui. Todo mundo que tem inteligência, tanto comentaristas, quem torce por outros times, e o cruzeirense viu o quanto foi difícil em todos os aspectos. Então, quem é cruzeirense vai estar com o Cruzeiro até o final”, disse.

“Ao longo dessa trajetória, os seis pontos (perdidos), a gente vem pagando ao longo da competição toda. Pesa para caramba. Você não tem margem de erro e tem que ganhar, ganhar e ganhar. As equipes que fizeram um primeiro turno melhor tiveram tranquilidade no segundo com essa gordura. Independente de onde o Cruzeiro vai estar, eu vou estar junto. Quem é torcedor, os mais de 9 milhões vão estar junto e o Cruzeiro vai voltar forte”, complementou Fábio, que na última semana renovou seu contrato com o clube para mais uma temporada.

O Cruzeiro chegou aos 41 pontos na competição e ocupa apenas a 11ª posição na tabela. Restando seis rodadas para o fim do campeonato, o clube mineiro pode no máximo chegar aos 59 pontos (em caso de seis vitórias). Desde 2006, no formato atual do torneio, somente o Vitória, em 2007, conseguiu o acesso com essa pontuação. No entanto, as chances do Cruzeiro neste ano são quase nulas devido ao rendimento de outras equipes na luta pelo acesso.




Tags: cruzeiro fábio independência serieb cruzeiroec interiormg futnacional cuiabamt