Futebol Internacional

CARREIRA IRRETOCÁVEL

Rei do futebol, Pelé completa 81 anos neste sábado

Maior figura esportiva da história do país, Edson Arantes do Nascimento colecionou títulos e marcas importantes como jogador

postado em 23/10/2021 09:09 / atualizado em 23/10/2021 11:15

(Foto:  Netflix/Divulgacao)
O dia 23 de outubro é especial para o futebol. Há 81 anos, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, nascia em Três Corações-MG. Com carreira irretocável entre 1956 e 1977, o Rei mudou a história do Santos, da Seleção Brasileira e do esporte.

Maior figura esportiva da história do país, o Rei colecionou títulos e marcas importantes como jogador e deixou legado imenso ao futebol brasileiro após pendurar as chuteiras. Com Pelé, o Brasil venceu suas primeiras três Copas do Mundo, em 1958, 1962 e 1970, e se tornou protagonista do esporte.

Além de três títulos mundiais em quatro Copas disputadas, Pelé também é o maior artilheiro da Amarelinha, com 77 gols marcados em 92 jogos.

No Santos, Pelé formou times inesquecíveis ao lado de Dorval, Mengálvio, Coutinho e Pepe; venceu duas Libertadores, dois Mundiais, seis títulos brasileiros, três Torneios Rio-São Paulo e dez Campeonatos Paulistas. O Rei também quebrou a marca de 1000 gols pelo Peixe, marcando 1091 vezes em 1116 jogos.

(Foto: Ronaldo Moraes/O Cruzeiro/EM)

Foram 18 anos no Alvinegro entre 1956 e 1974. Nos últimos três anos de carreira, Pelé, já aposentado da Seleção Brasileira, aceitou o desafio de jogar no New York Cosmos dos Estados Unidos, onde se aposentou definitivamente em 1977.
Após pendurar as chuteiras, o Rei recebeu inúmeras condecorações reconhecendo sua carreira e legado. Em 1981, o jornal francês L'Equipe elegeu Pelé o atleta do século. Em 1998, a Fifa deu ao camisa 10 o título de melhor jogador do século XX.

Aos 81 anos, o Rei segue sendo a figura mais importante da história do Santos, da Seleção Brasileira, detendo a artilharia história e grande parte das principais conquistas das equipes. Neste momento, sua maior batalha é contra uma sequência de problemas de saúde - recentemente ficou um mês internado e teve que retirar um tumor no intestino -, mas o eterno camisa 10 nunca deixa de lutar.

Tags: Pelé futinternacional futnacional selefut santossp o Rei do Futebol