Futebol Internacional

LIVERPOOL

Ex-Liverpool, goleiro Dudek comenta sobre Rafa Benítez: "Já quis bater em sua cara"

Segundo jogador, clima não era bom o ex-treinador na equipe inglesa

postado em 22/04/2016 10:54

AFP PHOTO/PAUL ELLIS
O goleiro polonês Jerzy Dudek foi um dos personagens da histórica final da Liga dos Campeões de 2005, vencida nos pênaltis pelo Liverpool. Na época, os Reds eram comandados por Rafa Benítez, que, apesar da inesquecível conquista, não sustentava um bom ambiente com o elenco. Quem explica sobre a situação é o próprio Dudek, através de sua autobiografia, onde explica que a falta de tato de seu comandante quase já o levou a cometer uma agressão.

“Já quis bater em sua cara”, comentou o arqueiro sobre o técnico espanhol, em relação a ter frequentado o banco de reservas e ser preterido por Pepe Reina logo na temporada seguinte em que havia sido o herói da conquista continental.

Apesar de reconhecer que Benítez é talentoso quando se fala em trabalhar conceitos de futebol, Dudek deixou claro que, no tratamento com pessoas, o treinador não age corretamente.

“Rafa disse que me ajudaria se uma boa oferta chegasse, mas ele não fez isso. Ele tem muito conhecimento sobre futebol, mas não sabe lidar com pessoas”, frisou.

Para o polonês, José Mourinho é um exemplo de comandante que sabe gerir bem as pessoas de seu grupo, e poderia complementar justamente a maior falha de Rafa Benítez: “Mourinho tem mais respeito pelo vestiário. Combinados, formariam um treinador ideal”.

Tags: selefut liverpool Liverpool Dudek Rafa Benitez