Futebol Internacional

COPA DO MUNDO FEMININA

Holanda bate Suécia na prorrogação e está na final da Copa do Mundo Feminina

Decisão será no domingo, às 12h, em Lyon, diante dos Estados Unidos

postado em 03/07/2019 18:50

<i>(Foto: FRANCK FIFE/AFP)</i>
A Holanda derrotou a Suécia por 1 a 0 nesta quarta-feira em Lyon, em confronto pelas semifinais da Copa do Mundo feminina e garantiu sua classificação para a decisão do Mundial. Após empate no tempo normal, as holandesas contaram com gol de Groenen na prorrogação para assegurar sua primeira participação na final da competição.

Com a classificação inédita, a Holanda enfrenta os Estados Unidos na grande final da Copa, no próximo domingo às 12h (horário de Brasília), no mesmo estádio de Lyon.

As norte-americanas são as maiores vencedoras do Mundial com três títulos (1991, 1999 e 2015) e tentam chegar ao tetracampeonato. O time holandês nunca havia ficado entre as quatro melhores do torneio e agora tenta o primeiro troféu mundial do país.

Antes da final, a Suécia disputa o 3º lugar do torneio com as inglesas, no sábado, também às 12h (horário de Brasília), em Nice.


Domínio sueco no primeiro tempo


Buscando sua segunda final na história da Copa, a Suécia partiu para cima no primeiro tempo e conseguiu criar as melhores chances de gol. Mesmo com a pressão, a equipe escandinava não conseguiu abrir o placar da semifinal.

Aos 12 minutos, Jakobsson fez boa jogada e passou para Blackstenius dentro da área. A atacante bateu para boa defesa de Van Veenendaal. Seis minutos depois, a goleira holandesa fez mais uma boa intervenção após cobrança de falta de Eriksson.

Aos 36, Van Veenendaal brilhou novamente. Após cobrança de escanteio, a bola chegou para Rubensson, que bateu, a bola foi abafada e sobrou para Hurtig, que chutou rasteiro para grande defesa com os pés da arqueira adversária.

Segunda etapa equilibrada


Mais animado, a segunda etapa foi marcado por diversas chances de gol desperdiçadas pelas duas equipes. Aos dez minutos, a Suécia teve sua melhor chance. Depois de cobrança de escanteio, a defesa holandesa não conseguiu afastar o perigo e a bola caiu nos pés de Fischer, que bateu cruzado. A bola foi na direção do gol e contou com defesa de Van Veenendaal. A redonda ainda bateu na trave antes de sair.

A Holanda conseguiu igualar mais as ações de ataque e teve sua principal chance no tempo normal aos 18 minutos. Em mais um escanteio, a bola chegou livre para Miedema, que acertou bela cabeçada por cobertura que explodiu no travessão. Já nos acréscimos, Van de Sanden recebeu dentro da área e arriscou chute firme, espalmado por Lindahl.

Apesar da insistência das equipes, o 0 a 0 persistiu no placar e a decisão foi para a prorrogação.


Prorrogação laranja


Mesmo tendo sofrido mais nos 90 minutos, foram as holandesas que se deram melhor na prorrogação. Na marca dos nove, Miedema conduziu e passou a bola, sem querer, a zagueira Sembrant desviou na direção de Groenen, que retomou a posse com boas condições para avançar. A meia seguiu rumo a entrada da área e acertou um belo chute cruzado para abrir o placar e definir a classificação holandesa.

FICHA TÉCNICA
 
HOLANDA 1X0 SUÉCIA

Local: Stade de Lyon, Lyon (França)
Data: 3de julho de 2019 (Terça-feira)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Marie-Soleil Beaudoin (Canada)
Assistentes: Princess Brown (Jamaica) e Stephanie-Dale Yee Sing (Jamaica)
VAR:  Massimiliano Irrati (Itália)
Cartões amarelos: Spitse e Van de Donk (Holanda); Zigiotti (Suécia)

GOL: Groenen aos 9 minutos do 1º tempo da prorrogação

HOLANDA: Van Veenendaal, Van Lunteren, Van der Gragt, Bllodworth e Van Dongen; Groenen, Van de Donk e Spitse; Beerensteyn (Van de Sanden), Miedema e Martens (Roord).
Técnico: Sarina Wiegman

SUÉCIA: Lindahl, Glas, Fischer, Sembrant e Eriksson (Andersson); Rubensson (Janogy), Seger e Asllani; Jakobsson, Blackstenius (Larsson) e Hurtig (Zigiotti).
Técnico: Peter Gerhardsson

Tags: femininofut futfeminino futinternacional