Futebol Internacional

LIGA DOS CAMPEÕES

'Somos a pedra no sapato do City', brinca Tuchel após título do Chelsea

Treinador chegou durante a temporada e conquistou cobiçada taça

postado em 29/05/2021 20:33 / atualizado em 29/05/2021 21:01

(Foto: Susana Vera/AFP)
Contratado em janeiro deste ano, o técnico alemão Thomas Tuchel conquistou o título da Liga dos Campeões da Europa com o Chelsea ao manter a sina de ser "a pedra no sapato do City", conforme afirmado por ele mesmo. A vitória por 1 a 0 deste sábado, na grande final, em Portugal, foi a terceira do time de Londres em duelos contra a equipe de Manchester sob o seu comando.



Nesta temporada, o Chelsea já havia vencido os comandados do treinador espanhol Pep Guardiola em outras duas ocasiões. Depois da vitória por 1 a 0 na semifinal da Copa da Inglaterra, veio o triunfo por 2 a 1 na disputa do Campeonato Inglês, do qual o Manchester City foi campeão. Por fim, o terceiro encontro teve o mesmo desfecho.

"Foi um jogo muito difícil, a gente também precisou de um pouquinho de sorte. A gente sentiu ontem, a gente sentiu hoje, a gente pensou o tempo inteiro que dava: 'a gente é a pedra no sapato do City, a gente não vai deixar que eles relaxem'. Foi assim das últimas três vezes", disse o treinador em entrevista ao canal TNT Sports.



Muito eufórico na saída do gramado, Tuchel fez um discurso emocionado para agradecer o apoio dos familiares, alguns instantes após certa dificuldade para se expressar em palavras.

"Eu não sei exatamente o que dizer para ser sincero. É a coisa mais bonita de todas, se eu parar para pensar. A gente tem que compartilhar isso com a família, meus pais que me levavam aos jogos, minha mulher, minha avó. Não é só para mim. Durante toda a trajetória você tem pessoas que te empurram para frente, que acreditam em você", afirmou.



O título deste sábado foi o segundo conquistado pelo Chelsea na Liga dos Campeões. A primeira taça foi levantada há nove anos, em 2012, diante do Bayern de Munique, em plena Allianz Arena, em Munique, na Alemanha.


Tags: técnico chelsea Porto manchester city ligadoscampeoes thomas tuchel