Goiás

CAMPEONATO BRASILEIRO

Goiás derrota CSA com gol de Michael e ajuda Cruzeiro na luta contra o Z4

Único gol da vitória foi marcado pelo principal jogador da equipe esmeraldina

postado em 12/10/2019 19:24 / atualizado em 12/10/2019 19:41

<i>(Foto: Reprodução/Twitter/Goiás)</i>
O Goiás mostrou não ter se abalado com a derrota para o Botafogo na última quarta-feira, por 3 a 1, e conseguiu a reabilitação já neste sábado à tarde ao vencer o CSA, por 1 a 0, no Estádio Serra Dourada, pela 25ª rodada do Brasileirão. O único gol da partida foi marcado pelo atacante Michael, que deixou o gramado sob gritos de: "ão, ão, ão, Michael é Seleção".

Com cinco vitórias em seis rodadas do segundo turno, o Goiás chegou aos 36 pontos e subiu para o nono lugar, sonhando com uma vaga na Copa Libertadores. Por outro lado, o CSA perdeu após duas vitórias seguidas e estacionou nos 25 pontos. Em 16º lugar, o time alagoano pode voltar para a zona de rebaixamento no complemento da rodada caso o Ceará derrote o Avaí no complemento da rodada.

A vitória do Goiás também foi positiva para o Cruzeiro. Na 18ª colocação, com 21 pontos, o time celeste poderá encostar nos alagoanos em caso de vitória sobre a Chapecoense, neste domingo, às 19h, na Arena Condá

O jogo

O jogo começou morno, mas aos poucos o Goiás foi se soltando. Gilberto Júnior testou Jordi em cabeçada após escanteio cobrado por Thalles. Na sequência, aos 16 minutos, Yago Felipe arriscou de fora da área e a bola tocou na trave antes de sair.

A chance mais clara veio aos 22. Rafael Moura desviou de cabeça e Michael arrancou em velocidade. Na cara de Jordi, o atacante bateu pela linha de fundo. Em uma das poucas subidas do CSA, Jean Cléber arriscou de fora da área e o goleiro Tadeu segurou sem dar rebote.

O Goiás seguia pressionando e assustou mais uma vez em finalização de Michael na rede pelo lado de fora. Aos 44 minutos, não teve jeito. Após chutão da zaga para frente, Jordi saiu mal e a bola sobrou para Michael completar para o gol aberto. 1 a 0.

Apesar de estar atrás no placar, o CSA voltou com uma alteração no sistema defensivo. O goleiro Jordi, com uma lesão na virilha, deu lugar para João Carlos. O empate só não veio no gol contra de Rafael Vaz porque Tadeu fez grande defesa.

Aos 11 minutos, Naldo apareceu como elemento surpresa dentro da área e cabeceou na trave. Depois dos sustos, o Goiás conseguiu equilibrar as ações, mas procurava valorizar a posse da bola.

O Goiás levou um susto aos 43 minutos. Ronaldo Alves bateu colocado e a bola passou raspando a trave de Tadeu. Apesar da pressão esboçada, principalmente através de cruzamentos, o CSA não conseguiu o empate.

Os dois times voltam a campo na quarta-feira, pela 26ª rodada. O Goiás recebe o Corinthians, às 21h30, no Serra Dourada, em Goiânia (GO). O CSA tem pela frente o Atlético, às 19h15, no Rei Pelé, em Maceió (AL).

Goiás 1 x 0 CSA

Goiás
Tadeu; Yago Rocha, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Gilberto Júnior, Yago Felipe e Thalles (Marcelo Hermes); Michael, Rafael Moura (Dudu) e Leandro Barcia (Papagaio). Técnico: Ney Franco

CSA
Jordi (João Carlos); Celsinho, Luciano Castán, Ronaldo Alves e Carlinhos; Naldo, Jean Cléber e Jonatan Gómez; Bruno Alves, Bustamante (Jarro Pedroso) e Alecsandro (Alisson Safira). Técnico: Argel Fucks

Gol: Michael, aos 44 minutos do primeiro tempo
Cartões amarelos: Thalles e Fábio Sanches (Goiás); Bruno Alves, Carlinhos e Jarro Pedroso (CSA)

Público: 7.420 pagantes (8.826 no total)
Renda: R$ 94.115,00

Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Tags: cruzeiroec csa goiás brasileirão futebol