Internacional

CRUZEIRO

Egídio de saída, Dodô sondado, volta de Marcelo Hermes e possível reforço: lateral esquerda do Cruzeiro passa por mudanças em 2020

Setor foi bastante questionado por torcedores na temporada 2019

postado em 08/01/2020 06:00 / atualizado em 07/01/2020 21:18

(Foto: Ramon Lisboa/EM D.A Press)
Com o objetivo de reduzir a folha salarial dos jogadores de R$ 15 para R$ 5 milhões, o Cruzeiro dá sequência ao processo de reformulação de seu elenco. Um setor que terá mudanças importantes é a lateral esquerda. O experiente Egídio, de 33 anos, acertou a rescisão contratual com a Raposa e defenderá o Fluminense em 2020.

Embora tenha sido questionado pelos torcedores por causa das atuações irregulares em 2019, Egídio participou ativamente de cinco conquistas celestes - estaduais de 2014 e 2018, Copa do Brasil de 2018 e Campeonatos Brasileiros de 2013 e 2014. Em 210 jogos, marcou cinco gols e deu 29 assistências.

Outro jogador da função pode sair da Toca II. Dodô, de 27 anos, entrou no radar do Internacional. O Cruzeiro passou as condições da transferência à diretoria gaúcha e aguarda o retorno.

Em entrevista à Rádio Itatiaia no dia 22 de dezembro, o ex-vice-presidente de futebol Márcio Rodrigues chegou a anunciar a ruptura do vínculo de Dodô, mas o lateral se reapresentou normalmente na última segunda-feira e participa dos trabalhos de pré-temporada.

Em 2019, Dodô disputou 28 partidas e marcou um gol. À época de sua contratação, a Raposa se comprometeu a adquirir os direitos econômicos junto à Sampdoria, da Itália. A diretoria atual tenta costurar um acordo para se livrar da obrigação acertada em janeiro pelo então dirigente Itair Machado.

Quem está de volta é Marcelo Hermes, de 25 anos, que jogou por empréstimo no Goiás em 2019. Em 2018, o lateral fez gol na estreia pelo Cruzeiro, na vitória por 2 a 0 sobre o Democrata de Governador Valadares, pelo Campeonato Mineiro. Em seguida, teve atuações discretas, a ponto de ficar na reserva do volante Lucas Romero na final da Copa do Brasil de 2018 - Egídio, suspenso, não enfrentou o Corinthians em São Paulo. Na ocasião, o argentino se mostrou seguro na marcação, e o time celeste conquistou o título ao vencer por 2 a 1.

Apesar da primeira passagem apagada de Hermes, o Cruzeiro não descarta aproveitá-lo em 2020. Outra alternativa no grupo é o jovem Rafael Santos, de 21 anos. A busca no mercado também é avaliada pelo departamento de futebol, conduzido pelo vice Pedro Lourenço, o consultor Alexandre Mattos e o diretor Ocimar Bolicenho.

Recentemente, houve uma consulta a João Lucas, lateral-esquerdo que se desligará do Ceará. A procura foi feita por Márcio Rodrigues, antes de o Núcleo Dirigente Transitório assumir a direção administrativa. Desde então, as conversas se estagnaram. O atleta de 28 anos atuou sob o comando de Adilson Batista no Vozão. Coritiba e Goiás estariam interessados em sua contratação.

Além da lateral esquerda, o Cruzeiro definiu saídas em outras posições. Henrique será emprestado ao Fluminense até dezembro, enquanto Marquinhos Gabriel defenderá o Athletico-PR pelo mesmo período. O lateral-direito Orejuela, o zagueiro Dedé e o atacante Fred interessam a clubes da Série A, mas até o momento nenhuma negociação foi oficialmente formalizada. Já o zagueiro Fabrício Bruno se transferirá para o Red Bull Bragantino, recém-promovido à primeira divisão nacional.

O Cruzeiro estreará no Campeonato Mineiro no dia 22 de janeiro (quarta-feira), às 21h30, contra o Boa, no Mineirão. A expectativa é que até lá o técnico Adilson Batista já tenha o grupo fechado para o estadual. Posteriormente, visando à Série B do Campeonato Brasileiro, a diretoria pode reforçar o elenco com peças pontuais.

Tags: Cruzeiro serieb interiormg fluminenserj Egídio internacionalrs seriea Dodô mercadobola Marcelo Hermes Rafael Santos