Internacional

INTERNACIONAL

Inter promete futebol ofensivo diante do Sport para não perder líderes de vista

Time de Eduardo Coudet tenta acompanhar Atlético e Flamengo na tabela

postado em 14/10/2020 10:30

(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)


Terceiro colocado no Brasileirão, o Internacional sabe que precisará de bons resultados longe de casa se quiser acompanhar os líderes Atlético e Flamengo. Nesta quarta-feira, às 21h30, na Ilha do Retiro, a promessa é de futebol ofensivo diante do Sport para seguir colado nos primeiros colocados.

Depois de desencantar diante do Athletico-PR, o atacante uruguaio Abel Hernandez acredita que pode repetir a dose e marcar mais gols. "Eu precisava abrir a lata (anotar o primeiro), como diz no Uruguai. E espero começar a marcar mais gols, pois é muito importante para um atacante", afirmou o parceiro de Thiago Galhardo no setor ofensivo do Inter.

Enquanto o parceiro já colocou 13 bolas nas redes rivais, Hernandez vinha devendo não apenas gols, mas um futebol mais vistoso. Aliviado, agora já faz planos para fazer o Inter emplacar uma série de triunfos.

"Esperamos ganhar outra. O importante agora é somar pontos para seguir nas primeiras colocações do campeonato", observou. "Seguimos com essa mentalidade para conseguir os três pontos."

Com o triunfo do Flamengo sobre o Goiás, o Inter ganhou novo rival na luta pela liderança. Cariocas e mineiros somam 30 pontos, diante dos seus 28. Agora os gaúchos necessitam dos três pontos no Recife. Hernandez esbanja confiança que o time pode, sim, voltar com a vitória na mala. "Fizemos boas partidas ultimamente e temos de seguir nesse caminho."

O técnico Eduardo Coudet terá o retorno de Edenilson, que cumpriu suspensão. Mas perdeu Heitor, machucado. O lateral-direito que deu três assistências nos dois últimos jogos sentiu uma lesão muscular. Rodinei inicia o jogo. Rodrigo Dourado, recuperado de grave lesão, foi relacionado pela primeira vez.

Tags: sportpe futnacional seriea