São Paulo
1

COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JÚNIOR

Cruzeiro leva virada do São Paulo e está fora da Copa SP de Futebol Júnior

Raposa sai na frente, mas tricolor, do técnico Alex, ídolo celeste, reage e garante classificação em jogo com problemas estruturais no estádio

postado em 20/01/2022 00:28 / atualizado em 20/01/2022 00:46

(Foto: Rubens Chiri/Saopaulofc .net)

O Cruzeiro saiu na frente, mas levou virada do São Paulo, perdeu por 2 a 1 e foi eliminado nas quartas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O jogo, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul, nesta quarta-feira, teve queda de energia na etapa inicial, quando a Raposinha vencia por 1 a 0, gol de Ageu. O tricolor empatou ainda no primeiro tempo, com Maioli, e garantiu triunfo com Vitinho, no segundo. 

Nas semifinais, o São Paulo terá pela frente o Palmeiras, que goleou o Oeste por 5 a 2, também nesta quarta-feira, em Barueri. O Cruzeiro, que se despediu com boa campanha, teve adiado o sonho do segundo título da Copinha - foi campeão em 2007, em final justamente contra o Tricolor do Morumbi. 

Na outra semifinal, o América enfrentará o Santos, nesta sexta-feira, às 20h, no Anacleto Campanella. O clássico entre São Paulo e Palmeiras será no sábado, dia 22, às 19h. A decisão está marcada para o dia 25, terça-feira, aniversário da cidade de São Paulo. As partidas terão a tecnologia do VAR (árbitro de vídeo), conforme anunciou a Federação Paulista de Futebol, organizadora do torneio.

O jogo entre São Paulo e Cruzeiro marcou o reencontro de um ídolo celeste com o clube estrelado. O ex-armador Alex, destaque na conquista da Tríplice Coroa em 2003, agora esteve do outro lado, como técnico do tricolor. 

O JOGO


Antes da bola rolar, a ausência de uma ambulância no estádio atrasou em 30 minutos o início da partida. Com a chegada do veículo, o jogo, que estava marcado para as 21h30 (de Brasília), começou por volta das 22h.

Com a bola rolando, o primeiro tempo teve bastante equilíbrio. Aos 31 minutos, o primeiro gol da partida. Em cobrança de escanteio, Ageu subiu mais alto que a defesa são-paulina e cabeceou para o fundo das redes, colocando o Cruzeiro em vantagem.

Três minutos depois, mais problemas. Alguns dos refletores do Anacleto Campanella se apagaram por falta de energia e o jogo ficou paralisado por cerca de 17 minutos. Com isso, o árbitro acrescentou 23 minutos no primeiro tempo, considerando outras pausas naturais do jogo.

Com a energia de volta, o jogo foi reiniciado e o São Paulo passou a pressionar mais o adversário, em busca de uma reação. Aos 63 minutos da primeira etapa, a pressão deu resultado quando Maioli aproveitou rebote dentro da área e empatou o placar, levando o jogo para o intervalo com tudo igual para as duas equipes.
Na volta para o segundo tempo, o Tricolor seguiu criando mais. Aos 14 minutos, o time chegou a ter uma grande oportunidade com Luiz Henrique, que ficou cara a cara com Denivys, mas bateu desequilibrado e o goleiro conseguiu fazer a defesa.

Aos 33 minutos da etapa final, João Adriano foi acionado por Pablo e cruzou rasteiro para a área, encontrando Vitinho. O atacante bateu para o gol e contou com desvio em Matheus para virar o jogo e colocar o São Paulo na frente, encaminhando a vaga na semifinal.

Os minutos finais foram de bastante correria. O Cruzeiro foi ao ataque e quase empatou com Alex Matos. Entretanto, o time mineiro não conseguiu o empate e o jogo terminou com a virada são-paulina pelo placar de 2 a 1.

Um dos destaques do Cruzeiro na Copinha, o goleiro Denivys destacou a boa participação da equipe. "Fizemos uma grande campanha, coisa de detalhes, o São Paulo levou com um pouco de sorte. Mas parabenizo o grupo. Eu me despeço do sub-20, mas agradeço a todos pelo meu crescimento e vou continuar torcendo para o pessoal", declarou ao Sportv.  

Tags: alex raposa quartas de final cruzeiroec interiormg futnacional saopaulosp copa são paulo de futebol júnior