CRUZEIRO

Camisas do Cruzeiro serão vendidas com marca da Caixa, e calções terão novo patrocinador

Clube celeste assinou contrato com instituição financeira nesta terça-feira

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 19/01/2016 15:02 / atualizado em 19/01/2016 18:30

Gustavo Andrade /Superesportes

Ichiro Guerra/PR
Ao contrário do que aconteceu na última temporada, as camisas do Cruzeiro não serão mais vendidas sem as marcas dos patrocinadores. Com acordo com a Caixa Econômica Federal, os uniformes a serem adquiridos pelos torcedores terão o nome do banco estampado na frente e nas costas.

Em relação aos outros patrocinadores, os cruzeirenses poderão optar como será a camisa. “A camisa vai ser vendida com a marca da Caixa. O torcedor poderá escolher sobre os outros patrocínios, se vai querer a camisa com ou sem essas marcas”, explicou o diretor de marketing e comercial do Cruzeiro, Robson Pires, em entrevista ao Superesportes.

Patrocinador máster do Cruzeiro na última temporada, o Supermercados BH continua na camisa, mas agora abaixo do número. A camisa tem ainda a marca da Vilma Alimentos nas mangas e a da Cemil na altura da clavícula. Já a Tim é posicionada dentro dos números.

Novo patrocínio no calção

O Cruzeiro terá ainda outros dois patrocinadores no seu uniforme na temporada 2016. Assim como no último Brasileirão, a Voxx Suplementos segue nos calções, que terão uma nova marca.

Em 2015, o local no calção era ocupado pela 99 Taxis, que não teve novo acordo com o Cruzeiro. O “substituto” no uniforme será anunciado até a estreia do time celeste na Primeira Liga, no dia 27 (quarta-feira da próxima semana), diante do Criciúma, em Santa Catarina.

“O novo patrocinador ficará posicionado no calção, na frente. Já está fechado. Como o acordo da Caixa diminiu os espaços da camisa, tivemos de migrar com ele para o calção. Será no lugar que era ocupado pela 99 Taxis”, disse Robson Pires.

Tags: cruzeiro interiormg caixa patrocinador patrocínio camisa