Cruzeiro

CLÁSSICO

Fábio, do Cruzeiro, faz desabafo sobre violência e racismo no clássico com Atlético: 'Perderam a noção do viver'

Fábio destacou que torcedor não deve confundir rivalidade clubística com ódio

postado em 11/11/2019 14:27 / atualizado em 11/11/2019 15:22

O goleiro Fábio, do Cruzeiro, divulgou uma nota nesta segunda-feira em suas redes sociais e fez um desabafo pelos episódios de violência e de injúria racial ocorridos nas arquibancadas do Mineirão no clássico contra o Atlético, pelo Campeonato Brasileiro.

View this post on Instagram

NOTA %u26A0%uFE0F%u26A0%uFE0F%u26A0%uFE0F%u26A0%uFE0F%u26A0%uFE0F%u26A0%uFE0F Triste e lamentável as cenas de vandalismo, discórdia, falta de respeito com o próximo no jogo Cruzeiro x Atletico 10/11, não justifica um momento de lazer, trazer pânico, tristeza, agressão e dor aos que estiveram ontem no Mineirão para assistir ao jogo. Infelizmente as pessoas perderam a noção do viver, não sentem mais amor, não sentem mais compaixão, estão tomadas por raiva, impulsão, falta de caráter, é revoltante ouvir relatos de quem estava no estádio, ver as cenas de ontem só me fazem uma pessoa melhor, com princípios, com hombridade, vou lutar sempre para que meus filhos sejam diferenciais nessa terra. Vocês que se rebelaram, se gladiaram, simplesmente por torcer por time A ou B, envergonhem-se da atitude que tiveram e repensem se vale a pena serem tão mau exemplo para nossas crianças e para seus filhos!!! Por um mundo melhor, por um futuro melhor, por clássicos de paz!!! Vamos repensar, seja digno de frequentar um estádio, se lhe falta o mínimo de amor ao próximo, não vá!!! Você não é bem vindo!! Estarei junto sempre dos que amam o futebol e respeitam o próximo!!! A rivalidade é dentro de campo, jogarei com raça sempre!!! Não tenham uma rivalidade odiosa, tenham uma rivalidade saudavel, de cantos, de gritos, de paixão, de torcida que ama o seu Clube mas acima disso, ama o seu próximo. #cruzeiro #atletico #mineirao #classico #paznoestadio #amoraoproximo #racismonão #vocenaoebemvindo

A post shared by Fabio Goleiro (@fabiogoleirooficial) on




Crianças, idosos e adultos que nada tinham nada a ver com a confusão viveram momentos de pânico no estádio.


“Triste e lamentável as cenas de vandalismo, discórdia, falta de respeito com o próximo no jogo Cruzeiro x Atlético 10/11, não justifica um momento de lazer, trazer pânico, tristeza, agressão e dor aos que estiveram ontem no Mineirão para assistir ao jogo. Infelizmente as pessoas perderam a noção do viver, não sentem mais amor, não sentem mais compaixão, estão tomadas por raiva, impulsão, falta de caráter, é revoltante ouvir relatos de quem estava no estádio, ver as cenas de ontem só me fazem uma pessoa melhor, com princípios, com hombridade, vou lutar sempre para que meus filhos sejam diferenciais nessa terra”, escreveu Fábio.

O goleiro aconselhou a quem não tem amor ao próximo que fique longe dos estádios de futebol. “Vocês que se rebelaram, se gladiaram, simplesmente por torcer por time A ou B, envergonhem-se da atitude que tiveram e repensem se vale a pena serem tão mau exemplo para nossas crianças e para seus filhos!!! Por um mundo melhor, por um futuro melhor, por clássicos de paz!!! Vamos repensar, seja digno de frequentar um estádio, se lhe falta o mínimo de amor ao próximo, não vá!!! Você não é bem vindo!!”, desabafou o goleiro cruzeirense.

No fim da nota, Fábio destacou que o torcedor não deve confundir rivalidade clubística com ódio. “Estarei junto sempre dos que amam o futebol e respeitam o próximo!!! A rivalidade é dentro de campo, jogarei com raça sempre!!! Não tenham uma rivalidade odiosa, tenham uma rivalidade saudavel, de cantos, de gritos, de paixão, de torcida que ama o seu Clube mas acima disso, ama o seu próximo”.

O goleiro ainda usou as hashtags #cruzeiro, #atletico, #mineirao, #classico, #paznoestadio, #amoraoproximo, #racismonão e #vocenaoebemvindo

Tags: cruzeiro fabio cruzeiroec interiormg futnacional seriea