Cruzeiro

CRUZEIRO

PM tentou, em vão, levar o jogo entre Cruzeiro e Palmeiras para o Independência

Sugestão da Polícia Militar se deu em razão dos vários eventos na Pampulha

postado em 05/12/2019 21:30 / atualizado em 05/12/2019 20:32

(Foto: ALEXANDRE GUZANSHE / EM DA PRESS)

Em reunião na sede da Federação Mineira de Futebol (FMF), nesta quinta-feira, a Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG) recomendou que o jogo entre Cruzeiro e Palmeiras não seja realizado no Mineirão. O órgão sugeriu que o duelo fosse transferido para o Independência. Isso, contudo, não ocorrerá em função do regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Segundo o artigo 13 do Regulamento Geral das Competições (RGC), é necessário que o clube "informe a mudança do local da partida (estádio), desde que na mesma cidade, com pelo menos 5 (cinco) dias de antecedência em relação à data da programação da partida".

A Polícia Militar alegou que vários eventos serão realizados na Pampulha no domingo e, por isso, há risco de conflitos na região. A área do local da partida vai receber a Volta da Pampulha, evento musical no estacionamento do Mineirão, feira de veículos do Mineirão e a feira de artesanato do Mineirinho, além de Cruzeiro x Palmeiras.

A Polícia Militar recomendou que o Cruzeiro faça "vistoria na parte externa do estádio com o objetivo de identificar resto de estruturas que possam ser utilizadas em brigas entre as torcidas".

"A PMMG, representada pelo 34º BPM, responsável pelo policiamento externo, informa que participou da reunião da Comissão de Monitoramento de Violência em Eventos Esportivos e Culturais (COMOVEEC) ata 35 do dia 19/11, (...) com o objetivo de prevenir os impactos, atos de violência e/ou vandalismo antes, durante e depois dos eventos, que possivelmente podem ocorrer em decorrência da simultaneidade. Ocorrerão praticamente no mesmo espaços e no mesmo momento (sem condições de desmontagem das estruturas de um para o outro) os seguintes eventos: Cruzeiro x Palmeiras (30 mil pessoas); Volta Internacional da Pampulha (22 mil pessoas); Evento Musical Eletrônico no Estacionamento G1 do Mineirão (1 mil pessoas); Feira de Veículo do Mineirão (1 mil pessoas) e Feira de Artesanato do Mineirinho (5 mil pessoas). Diante do cenário exposto acima, somado ao risco da atuação de maus torcedores, que estão inconformados com a situação do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro e podem utilizar como armas as estruturas que não foram desmontadas, foi recomendado aos representantes do Cruzeiro a mudança do local da realização da partida, transferindo-a para o estádio Estádio Independência, o que não foi acatado ao presente momento".

O jogo foi mantido no Mineirão e a venda de ingressos começará nesta sexta-feira, pela internet. Os bilhetes custam de R$ 10 a R$ 40.

O duelo entre Cruzeiro e Palmeiras será realizado no domingo, às 16h, no Gigante da Pampulha, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. A Raposa chega ao jogo final do torneio com possibilidade de ser rebaixada.

Tags: mineirão polícia militar cruzeiroec palmeirassp seriea