UAI

2

Turco sobre um possível Atlético x Palmeiras: 'Nos consideramos favoritos'

Técnico argentino demonstrou otimismo para possível reencontro com o Palmeiras na Libertadores; desta vez, jogo aconteceria nas quartas de final

05/07/2022 22:15 / atualizado em 06/07/2022 00:49
compartilhe
Turco mostrou otimismo para um possível confronto entre Atlético e Palmeiras na Libertadores
foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

Turco mostrou otimismo para um possível confronto entre Atlético e Palmeiras na Libertadores


O técnico "El Turco" Mohamed demonstrou confiança no elenco do Atlético para um possível duelo contra o Palmeiras, pelas quartas de final da Copa Libertadores da América. "Nos consideramos favoritos", enfatizou o treinador argentino.

 

Os 50 maiores artilheiros da história do Atlético

 


Nesta terça-feira (5), no Mineirão, com Hulk novamente decisivo, o Atlético venceu o Emelec por 1 a 0, em jogo de volta das oitavas de final da Libertadores. Com um iminente confronto contra o Palmeiras nas quartas, Turco apontou favoritismo do Galo.

"Seja quem for, nós jogando de local somos favoritos sempre. Depois, temos que ver como vai ser e como teremos que jogar. Se é com o Palmeiras, vamos ter que jogar de visitante. Mas nós nos consideramos favoritos. Nos consideramos favoritos sempre. Temos o sonho da Copa Libertadores, por isso nos consideramos favoritos", afirmou.

Análise de Atlético 1x0 Emelec


O Atlético enfrentou dificuldades no duelo decisivo contra o Emelec. No início do primeiro tempo, com muitas ocasiões de gol desperdiçadas. Depois, com mais dificuldade para controlar a posse de bola e erros cometidos por nervosismo. Turco salientou o aspecto mental como fator dificultador.

"Dificuldade é que é um jogo de mata-mata, então sempre há um nervosismo para as finalizações. Mas sempre tivemos o controle do jogo. Sempre fomos a equipe que buscou ganhar e sabíamos que seria com muita dificuldade. Nenhum rival é fácil nas oitavas da Libertadores. O mais importante era passar de fase. Já se passou. Agora, esperamos poder recuperar todos jogadores lesionados, suspensos, para todas as competições que temos", analisou.

"O rival se fecha muito bem e essa também foi uma dificuldade, mas nada mais. Creio que ganhamos bem. Everson não foi tão exigido. Fizemos um bom jogo. Sempre vejo positivamente. Sei que estamos todos em um bom caminho, nos mantivemos sem sofrer gols. A equipe fez um grande esforço e estamos nas quartas de final. Temos que estar tranquilos", completou.

 

O treinador argentino também lamentou a ausência de jogadores com características de "um contra um". O Galo vendeu Savarino e Sávio em 2022 e, nesta altura da temporada, perdeu Keno por lesão muscular e Ademir por COVID-19.

"Para analisar taticamente, é muito difícil se o plantel não conta com jogadores de um contra um, velocidade, e a equipe está desenhada para jogar assim. Keno e Ademir são jogadores que a equipe necessita em algum momento da partida e não os temos. Zaracho está voltando e Vargas... a sequência de partida faça com que esteja cansado, essa é a realidade", pontuou.

O Atlético aguarda a definição do confronto entre Palmeiras e Cerro Porteño (Paraguai), nesta quarta-feira (6), para conhecer seu adversário nas quartas de final da Libertadores. O Verdão tem larga vantagem, já que venceu o jogo de ida por 3 a 0 fora de casa.

Compartilhe