UAI

2

Atlético presta solidariedade a jornalista agredido no Mineirão

Bira Marinho, de 50 anos, foi furtado e agredido na Esplanada do Mineirão após Atlético x Emelec pela Copa Libertadores; Sérgio Coelho fez convite ao jornalista

08/07/2022 16:35 / atualizado em 08/07/2022 16:49
compartilhe
Bira Marinho (esq.) e Sérgio Coelho (dir.) na sede do Atlético
foto: Reprodução/GaloTV

Bira Marinho (esq.) e Sérgio Coelho (dir.) na sede do Atlético


O Atlético prestou, nesta sexta-feira (8), solidariedade ao jornalista Bira Marinho, agredido no Mineirão na última terça-feira (5). A atitude foi iniciativa do presidente do Galo, Sérgio Coelho.
 

Lista de desfalques do São Paulo para enfrentar o Atlético

 

A vitória do Atlético por 1 a 0 sobre o Emelec, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, na noite da última terça-feira, não deixou apenas boas lembranças para os torcedores alvinegros. Bira Marinho, de 50 anos, que foi ao Mineirão acompanhado do filho, de 7, relatou ter sido assaltado e agredido na saída do estádio, após o jogo.

"Logo após a partida, desci do setor Roxo Superior até a Esplanada. Aí, meu filho disse: 'Papai, eu quero ir no banheiro'. Peguei na mão dele e levei, fomos até o banheiro. No retorno, quando tem uma partezinha fechada e você chega perto do público, eu fui atacado de costas. Me roubaram duas correntinhas de ouro e uma de prata, me deram um soco e eu caí de frente. Bati o rosto no chão e tentei levantar. Fui chutado por trás e, nesse momento, o que roubou já tinha saído correndo", disse Bira à GaloTV.

"Foram três sequências de eu tentar levantar e eles me chutarem. A única reação que eu tive na hora foi soltar a mão do meu filho, porque senão ele ia cair junto comigo. E aí, aquele desespero total né, de um pai apanhando na frente do filho, e o filho desesperadamente chorando. Em choque com aquela situação toda", completou.
 
 

Solidariedade do Atlético


Em encontro na Sede de Lourdes, do Atlético, nesta sexta-feira, o presidente Sérgio Coelho prestou solidariedade ao jornalista e seu filho. O mandatário convidou ambos para o jogo entre Galo e São Paulo, às 18h do domingo (10), no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. Coelho ainda sugeriu melhoria na Esplanada do Gigante da Pampulha.

"Convidamos o jornalista Bira Marinho para vir à sede, para que pudéssemos demonstrar a ele a nossa sensibilidade e prestar também a nossa solidariedade. Aproveitar para convidá-lo, para que ele e o filho dele estejam conosco no próximo domingo, para assistir ao grande clássico Atlético x São Paulo. Essa demonstração de carinho é na tentativa de diminuir um pouquinho o sofrimento dos dois", disse.
 

Fotos do carro Kia Stonic, modelo que Hulk, do Atlético, deu ao pai

 

"O que a gente acha é que é preciso melhorar a iluminação na Esplanada. O Atlético loca o Mineirão e paga a Minas Arena para prestar esses serviços. Os clubes mandantes que usam o Mineirão contratam a Minas Arena, e ela presta serviços de segurança, de limpeza, etc", completou Sérgio Coelho.

Bira Marinho agradeceu ao Atlético e espera que o episódio sirva de lição para mudanças efetivas no Mineirão. "Agradeço ao presidente Sérgio Coelho. Todo lado ruim tem um lado bom. Talvez, isso que tenha acontecido comigo sirva para beneficiar milhões de torcedores do Atlético que vão aos estádios durante o ano", afirmou.

Compartilhe