Corinthians

FUTEBOL MINEIRO

Responsável pela contratação de goleiro Bruno, presidente do Poços de Caldas é destituído do cargo

Jogador foi contratado em agosto deste ano, mas em outubro teve o vínculo rescindido

postado em 14/11/2019 15:18 / atualizado em 14/11/2019 15:33

(Foto: Divulgação/Poços de Caldas)

Responsável por contratar o goleiro Bruno Fernandes, o presidente do Poços de Caldas, Paulo César da Silva, foi destituído do cargo nessa quarta-feira. A decisão foi tomada após Assembleia Geral Extraordinária com associados do clube. A diretoria que compunha a chapa ao lado de Paulo César também foi afastada.

Segundo nota do clube, será eleita uma nova diretoria, que decidirá pelos próximos passos do Vulcão. Após o registro de demissão da atual gestão ser realizado, o clube convocará uma entrevista coletiva para esclarecimentos.

Relembre o caso

Em julho deste ano, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) concedeu progressão de pena a Bruno, mandante do assassinato da modelo Eliza Samudio em 2010, passando a ter direito ao regime semiaberto. Uma das exigências do juiz Tarciso Moreira de Souza para tomar a decisão era que o goleiro trabalhasse. Em agosto, o jogador acertou contrato para representar o Poços de Caldas na terceira divisão do Campeonato Mineiro de 2020. 

Depois de muitas polêmicas envolvendo a contratação do goleiro, clube e jogador deciram, em comum acordo, pela rescisão, em outubro. De acordo com Paulo César, que à época ainda presidia o clube, o contrato do goleiro não era viável para nenhuma das partes envolvidas. Segundo ele, Bruno disputou apenas 45 minutos com a camisa do Vulcão e tinha um salário incompatível com a realidade do Poços de Caldas. Além disso, os vencimentos do jogador estavam atrasados.

Veja a nota na íntegra:

"Na data de hoje (13/11/2019), foi realizada Assembleia Geral Extraordinária com associados do Poços de Caldas Futebol Clube para analisar a situação atual do clube e sua diretoria. 

Os associados deliberaram e decidiram pela destituição da Diretoria que era presidida pelo Sr. Paulo César da Silva, sendo eleita nova Diretoria para analisar e decidir sobre os próximos passos que serão tomados pelo clube.

Após o registro dos documentos referentes à Assembleia Geral Extraordinária junto ao cartório competente, será convocada uma entrevista coletiva pelos membros da nova Diretoria para apresentação e maiores esclarecimentos sobre a situação atual e perspectivas sobre o futuro do clube". 

Tags: Poços de Caldas Goleiro Bruno atleticomg interiormg flamengorj corinthianssp seriea mercadobola