UAI

2

Em jogo com belos gols, Corinthians leva virada do Ceará no Brasileirão

Timão sai na frente com Róger Guedes, mas Vozão reage ainda no primeiro tempo, aumenta no segundo e conquista o triunfo no Casteão

16/07/2022 23:27
compartilhe
Vina festeja o gol da virada do Ceará, ainda no primeiro tempo
foto: Felipe Santos/cearasc.com

Vina festeja o gol da virada do Ceará, ainda no primeiro tempo


Em um jogo com três golaços, o Corinthians foi derrotado de virada pelo Ceará por 3 a 1, neste sábado, na Arena Castelão, em Fortaleza, e desperdiçou a oportunidade de voltar a ser líder, mesmo que de forma provisória, do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro segue na segunda colocação com 29 pontos, um atrás do Palmeiras, que fecha a 17ª rodada contra o Cuiabá, na segunda-feira, em São Paulo.



Para complicar ainda mais, o Corinthians pode perder posições na tabela de classificação em caso de vitórias de Fluminense (contra o São Paulo, no Morumbi) e Atlético (diante do Botafogo, no Rio de Janeiro).

Em um belo gol de fora da área, Róger Guedes abriu o placar logo aos três minutos de partida. Mas sofreu outros dois golaços ainda no primeiro tempo, com Bruno Pacheco e Vina, que colocaram o Ceará na frente. Na segunda etapa, o time cearense, agora fora da zona de rebaixamento com 21 pontos em 13º lugar, ampliou com Cléber.

Os dois times voltam a campo no meio de semana pela 18ª rodada do Brasileirão. O Corinthians receberá o Coritiba, na quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, em São Paulo. O Ceará jogará um dia antes, na terça, também às 21h30, contra o Avaí, novamente em Fortaleza.

O JOGO


Com pouco tempo de bola rolando, o Corinthians já conseguiu abrir o placar. Logo aos três minutos, Róger Guedes marcou um golaço. Ele dominou na esquerda, caminhou para o meio e chutou de fora da área. A bola foi no ângulo direito alto de João Ricardo, que mesmo pulando não teve sucesso na tentativa da defesa. O atacante estava há oito jogos sem balançar as redes.

Com o controle da partida, o Corinthians poderia ter marcado o segundo em um contra-ataque, aos nove minutos. Róger Guedes carregou a bola pelo meio e perto da área tocou na direita para Du Queiroz. O volante pegou mal na bola e mandou por cima do gol, para desespero do atacante, que esperava a bola de volta para o chute.

Após esse lance, o Corinthians pouco incomodou o Ceará, que começou a ter mais posse de bola e a pressionar. Em um intervalo de cinco minutos, conseguiu dois golaços para virar o placar. Aos 27, o lateral esquerdo Bruno Pacheco pegou de primeira depois de um primeiro desvio da defesa corintiana e acertou um chute por cobertura sem chance para Matheus Donelli.

A virada veio com o meia-atacante Vina. Aos 32 minutos, ele finalizou de fora da área, com força após um passe lateral, e não deu qualquer oportunidade de defesa para o goleiro corintiano.

No intervalo, o Corinthians voltou com Lucas Piton e Roni em campo na tentativa de ter mais posse de bola. Não teve muito sucesso e antes dos 15 minutos mais duas trocas foram feitas com as entradas de Rafael Ramos e Giovane. Pouco depois, aos 19, a chance do empate. Giovane apareceu livre na grande área e cruzou rasteiro. Roni tocou de primeira e acertou o travessão.

Melhor em campo, Vina comandou o Ceará. E foi dele a assistência para o terceiro gol, aos 31 minutos. Cléber recebeu bom passe do meia-atacante, invadiu a área e chutou forte na saída de Matheus Donelli. Vitória cearense definida.

CEARÁ 3 X 1 CORINTHIANS


CEARÁ
João Ricardo; Nino Paraíba (Michel Macedo), Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Richardson (Rodrigo Lindoso) e Richard Coelho; Mendoza (Dentinho), Lima (Fernando Sobral) e Vina; Cléber (Zé Roberto)
Técnico: Marquinhos Santos

CORINTHIANS
Matheus Donelli; Bruno Méndez (Rafael Ramos), Gil, Raul Gustavo e Fábio Santos (Giovane); Cantillo (Roni), Du Queiroz, Adson (Lucas Piton) e Giuliano (Xavier); Gustavo Silva e Róger Guedes
Técnico: Filipe Almeida (auxiliar)

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Data: 16 de julho de 2022 (sábado)
 
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Tiago Augusto Kappes Diel (RS)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Cartões amarelos: Cléber (Ceará); Giovane (Corinthians)

GOLS: Róger Guedes, aos 3, Bruno Pacheco, aos 27, e Vina, aos 32min do 1ºT; Cléber, aos 31min do 2ºT

Compartilhe