Cruzeiro

FLAMENGO

Clubes e jogadores lamentam tragédia no CT do Flamengo; clássico deve ser adiado

Em Minas, Cruzeiro, América, Atlético e alguns clubes do interior se manifestaram nas redes sociais

postado em 08/02/2019 09:29 / atualizado em 08/02/2019 10:32

Vários clubes e jogadores prestaram solidariedade ao Flamengo, através das redes sociais, após o incêndio que atingiu o centro de treinamento do clube, na zona oeste do Rio de Janeiro, deixando ao menos 10 mortos e três feridos na madrugada desta sexta-feira. Formado na Gávea e maior jogador da história do clube, Zico disse pediu "que a Nação tenha força e fé".

Em Minas, Cruzeiro, América, Atlético, Caldense, Democrata de Governador Valadares, América de Teófilo Otoni e Patrocinense se manifestaram, lamentando o ocorrido. Além dos clubes, o zagueiro Dedé, do clube celeste, também postou condolências ao Rubro-Negro e às famílias das vítimas. A Confederação Brasileira de Vôlei também se solidarizou com o Flamengo, e postou uma mensagem em sua rede social.

O Corpo de Bombeiros ainda não tem informação sobre os nomes das vítimas. Equipes dos bombeiros ainda trabalham no local, conhecido como Ninho do Urubu, que fica no Bairro da Vargem Grande. As chamas atingiram principalmente os alojamentos onde dormiam os jogadores de base do time.

Clássico de sábado

O clássico entre Flamengo e Fluminense marcado para o próximo sábado, no Maracanã, pela semifinal da Taça Guanabara, ao que tudo indica, pode não acontecer. Após o incêndio que atingiu o Ninho do Urubu, CT do Flamengo, na manhã desta sexta-feira, e deixou 10 mortos e três feridos, a Federação do Estado do Rio de Janeiro emitiu uma nota convocando os clubes envolvidos para uma reunião a fim de tomar uma posição quanto a realização do jogo.

Em nota, a Ferj lamentou a tragédia que atingiu o alojamento das categorias de base do Rubro-Negro e afirmou “não ver clima” para a realização do Fla-Flu na data marcada. Entretanto, a entidade não emitiu uma posição final e decidirá apenas mediante opinião das partes envolvidas, inclusive da TV detentora dos direitos.

“A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro lamenta a tragédia ocorrida no CT do Flamengo e se solidariza com as famílias. A FERJ informa que não vê clima para a realização do Fla-Flu, neste sábado, no Maracanã, e está convocando, para reunião de emergência agora pela manhã, Fluminense, Flamengo e a TV detentora dos direitos do Campeonato Carioca para decidir sobre o caso”, diz a nota.

O treinamento do Flamengo, inicialmente marcado para às 9h (de Brasília), também foi cancelado e remarcado para o período da tarde. O local atingido pelo incêndio pertencia à área mais velha do complexo do Ninho do Urubu, abrigava atletas entre 14 e 17 anos e servia de alojamento.

Veja as declarações













Tags: seriea nacional cruzeiroec atleticomg selefut americamg