Cruzeiro
1

CRUZEIRO

Com apoio a Rogério Ceni e repúdio a Thiago Neves, Cruzeiro desembarca em Belo Horizonte

Delegação da Raposa foi recepcionada por um grupo de torcedores, que pediu a continuidade do treinador

postado em 26/09/2019 16:34 / atualizado em 26/09/2019 17:28

<i>(Foto: Juarez Rodrigues/EM/D. A Press)</i>

O Cruzeiro desembarcou na tarde desta quinta-feira no Aeroporto de Confins após o empate com o Ceará, por 0 a 0, em Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro. A imprensa estava em peso esperando um posicionamento da diretoria sobre o futuro do técnico Rogério Ceni. Estavam na delegação o vice-presidente de futebol, Itair Machado, e o diretor de futebol, Marcelo Djian. A cúpula celeste, contudo, não deu entrevista.

Um grupo de 15 torcedores recepcionou o elenco celeste com gritos de apoio a Rogério Ceni. O treinador fez um gesto positivo, cumprimentando os cruzeirenses e entrou no ônibus do clube. “Não sei de nada”, resumiu o treinador, referindo-se a uma eventual demissão.

Os torcedores pediram a saída de Thiago Neves, um dos pivôs do rompimento de parte do grupo com o técnico. “Ei, Thiago Neves, pede para sair!”. Vários jogadores deixaram o aeroporto em carros particulares, assim como o vice de futebol Itair Machado.





Itair foi duramente criticado pelos torcedores. Ele ouviu gritos de "safado" e "volta para o Ipatinga".







OpineNa queda de braço entre jogadores e Ceni, você fica do lado de quem?

Futuro de Ceni


O futuro de Rogério Ceni é incerto. A diretoria tem uma reunião marcada nesta quinta-feira para definir se continua ou não com o treinador. A tendência é que ele seja demitido. O clima é praticamente insustentável entre os jogadores mais experientes e o treinador.

O estopim dessa relação ocorreu após a partida entre Cruzeiro e Ceará. No vestiário, Dedé falou sobre a importância de Thiago Neves, questionando a ausência do meia no time. O posicionamento do defensor teria o apoio de outros atletas. Na partida dessa quarta, TN10 foi preterido e não entrou em campo. Rogério Ceni não gostou do que ouviu e saiu do vestiário.

Além de Dedé, Thiago Neves e Edilson são outros que claramente têm restrições ao comandante da equipe.

Rogério Ceni no Cruzeiro


O Cruzeiro anunciou a contratação de Rogério Ceni no dia 11 de agosto. Substituto do técnico Mano Menezes, ele comandou o clube em oito partidas, com quatro derrotas, duas vitórias e dois empates. Ceni começou bem, com duas vitórias e um empate. Depois, o time perdeu quatro vezes seguidas, sendo, inclusive, eliminado da Copa do Brasil com direito a goleada do Internacional por 3 a 0. Nessa quarta, a equipe interrompeu a sequência negativa com um empate com o Ceará (0 a 0).

Jogos de Rogério Ceni no Cruzeiro


Cruzeiro 2 x 0 Santos – Campeonato Brasileiro
CSA 1 x 1 Cruzeiro – Campeonato Brasileiro
Cruzeiro 1 x 0 Vasco – Campeonato Brasileiro
Internacional 3 x 0 Cruzeiro – Copa do Brasil
Cruzeiro 1 x 4 Grêmio – Campeonato Brasileiro
Palmeiras 1 x 0 Cruzeiro – Campeonato Brasileiro
Cruzeiro 1 x 2 Flamengo – Campeonato Brasileiro
Ceará 0 x 0 Cruzeiro – Campeonato Brasileiro

Tags: Thiago Neves Rogério Ceni avião crise desembarque cruzeiroec