Internacional

CRUZEIRO

Ex-jogador do Inter, Índio dispara contra Edilson, do Cruzeiro: 'Se acha valente, mas nunca saiu numa trocação'

Lateral do clube celeste foi expulso por agressão ao atacante Nico López

postado em 12/05/2019 20:05

<i>(Foto: Internacional/Divulgação)</i>
Expulso após agredir Nico López na derrota do Cruzeiro por 3 a 1 para o Internacional, neste domingo, no Beira-Rio, o lateral-direito Edilson foi duramente criticado por Índio, ex-zagueiro do Colorado. No Twitter, o ex-jogador disparou contra a 'valentia' do camisa 2 da Raposa e sugeriu que ele também se aposente dos gramados.

“Lembro de um soco seu no Dourado por trás e agora essa cotovelada enquanto o Nico (López) olhava a bola. Você se acha valente, mas, na verdade, nunca saiu numa trocação. Já passou tua validade nas quatro linhas, vem para cá onde já estou, do lado de fora”, escreveu o ex-jogador do Internacional.

Nas publicações seguintes, ele se mostrou surpreso com os pedidos de desculpas do próprio torcedor do Cruzeiro. “Surpreendentemente a torcida do Cruzeiro tem mais raiva do Edilson do que de nós. Estão organizando até vaia para o vacilão no próximo jogo. Obrigado pela manifestação dos torcedores do Cruzeiro. Não consigo responder todos”, disse.

Em uma das manifestações de cruzeirenses reproduzidas por Índio, um torcedor disse que Edilson o envergonha. “Parabéns pela vitória de vocês na bola, esse ser nos envergonha, bem que poderiam ter descido uma porrada nele pra ficar esperto”, escreveu o usuário @fsouzaxd.

Edilson foi expulso pelo árbitro Raphael Claus aos 48' do segundo tempo, após acertar Nico López com uma cotovelada. O lance gerou muito atrito entre jogadores e a confusão seguiu após o apito final, nos corredores dos vestiários do Beira-Rio. 

O técnico Mano Menezes reprovou a atitude do lateral-direito. “Nós nunca aprovamos agressividade fora das regras do futebol. Não é assim. Até ele, como jogador, sabe. Quando você ultrapassa o limite, você precisa levar cartão vermelho, como ele tomou (…) É lógico que essas questões não fazem parte daquilo que a gente gosta e não tem minha aprovação e das pessoas que estão dentro do Cruzeiro”, disse o treinador após o jogo.

Com a expulsão, Edilson desfalcará o Cruzeiro no próximo duelo pelo Brasileirão, contra o Fluminense, no sábado (dia 18), às 16h, no Maracanã. Mano Menezes precisará improvisar na escalação. Isso porque o substituto imediato da posição, Luis Orejuela, sofreu um estiramento na coxa esquerda e está entregue ao departamento médico.

Tags: internacionalrs futnacional seriea interiormg cruzeiro