MMA

UFC

Com infecção bacteriana na perna, Cigano está fora do card do UFC na Rússia

Ex-campeão precisou ser internado e não lutará em Moscou

postado em 22/10/2019 21:44

<i>(Foto: Reprodução/Instagram)</i>
O que parecia ser um simples machucado resultante de treino de chutes se transformou em problema para Junior Cigano. O ex-campeão peso pesado teve luta contra Alexander Volkov, no UFC na Rússia, no dia 9 de novembro, cancelada. O motivo foi uma importante infecção bacteriana na perna esquerda do brasileiro, que precisou ser internado para para implantação de dreno no local. Ele será substituído pelo norte-americano Greg Hardy, em Moscou.

Cigano está internado no Hospital Roberto Feres, no Rio de Janeiro, desde segunda-feira da semana passada, totalizando já oito dias. Ele passou por três cirurgias, com anestesia geral,  para inserção de dreno no local. O lutador revelou que tudo começou com uma pequena lesão causada por um treinamento de chute. O caso evoluiu para pior, com vermelhidão e inchaço, e o catarinense seguiu orientação médica para um tratamento mais intensivo. 

"Eu estava treinando na sexta-feira passada na academia, chutando o saco. No sábado, apareceu uma lesãozinha na minha perna e eu tratei como sempre trato, colocando gelo e tomando anti-inflamatório. No domingo, não melhorou, eu notei que piorou bastante, estava bastante quente, vermelho e dolorido. Aí percebi que já não se tratava de uma lesão comum", relatou, por meio do Instagram.

Ainda sem saber quando receberá alta, o ex-campeão do UFC disse que, no começo da infecção, não imaginava que desfalcaria o evento na Rússia. Não falei nada antes porque minha intenção era continuar na luta. Seria minha primeira luta na Rússia. (...) Estava confiante que ia acontecer isso, mas neste domingo, o doutor me falou que eu sou um cara de sorte, que sou forte e bastante saudável, porque pela gravidade da situação era para eu ir direto para a UTI, e isso fez cair a ficha que realmente não daria para continuar na luta", enfatizou.

Número quatro no ranking dos pesos pesados do UFC, Cigano vem de derrota para Francis Ngannou, segundo melhor na lista do TOP 15, por nocaute técnico, em junho passado, em Minneapolis (EUA). O brasileiro teve interrompida, na ocasião, sequência de três vitórias na divisão e ainda busca nova oportunidade para voltar a disputar o cinturão, que está em poder de Stipe Miocic. 

Tags: infecção bacteriana pesos pesados Alexander Volkov UFC Rússia Junior Cigano cigano ufc