MMA

UFC

Mineira de Uberlândia, Mayra Bueno busca reação contra italiana no UFC

Lutadora vem de derrota e projeta reabilitação no duelo deste sábado

postado em 17/09/2020 22:25

(Foto: Reprodução/UFC)

Minas Gerais estará representado mais uma vez no octógono do Ultimate Fighting Championship. Nascida em Uberlândia, Mayra Bueno Silva busca a recuperação no peso mosca (57kg) em luta contra a italiana Mara Romero Borella, no card preliminar do UFC Fight Night deste sábado, em Las Vegas. A Sheetara, como é conhecida a atleta do Triângulo Mineiro, sofreu o primeiro revés no combate anterior, em março passado, em Brasília, e projeta melhor desempenho para voltar a vencer. 

Atleta da Chute Boxe, liderada por Diego Lima, em São Paulo, ela foi revelada no Contender Series, reality show criado pelo presidente do UFC, Dana White, com objetivo de formar novos valores para a franquia. A mineira assinou contrato após passar por Mayana Souza com triunfo por finalização logo no primeiro round. O duelo, disputado em Las Vegas, ocorreu em agosto de 2018, e Mayra realizou um sonho antigo na carreira. 

Mayra Bueno estreou no UFC com vitória sobre Gillian Robertson, por finalização com chave de braço no fim do primeiro round, em setembro de 2018, no Ibirapuera, em São Paulo. Prejudicada por lesões e duas cirurgias no joelho, a mineira voltou a lutar em março deste ano, em Brasília, no último evento antes da paralisação causada pela pandemia. Ela foi derrotada pela ucraniana Maryna Moroz, por decisão unânime, e sofreu o primeiro revés na carreira. 

Em conversa com o Superesportes, Sheetara considera que aprendeu muito com a derrota na última luta, mas se mostra confiante em usar sua principal arma, o jiu-jítsu, para se reabilitar diante da italiana. “Na verdade, eu nunca perdi, eu sempre aprendi. Eu tive muitas lesões na carreira, tive cinco cirurgias, o que fez com que eu não tivesse evoluído tanto nos últimos anos. Eu fazia uma luta e tinha cirurgia. A luta com a Maryna foi a minha melhor performance e aprendi muito com esse combate”, avaliou.

(Foto: Reprodução/Instagram)


A mineira disse que a limitação causada pela pandemia, que provocou longa paralisação no esporte, foi prejudicial na preparação. Mas ela garantiu que trabalhou muito focada em buscar a vitória em Las Vegas. “É difícil, mas a gente conseguiu fazer um camping bem legal. Claro que não é igual sem a pandemia, mas fiz sim uma boa preparação para essa luta. Ninguém estava preparado para essa situação, mas tentei ao máximo manter o foco. Esse isolamento gera um clima estranho, mas chego 100% e pronta para dar um show”, frisou.

Sheetara vai enfrentar uma atleta mais experiente, com cartel mais vasto no MMA. Mara Romero, a Maravilla, tem 34 anos, lutou 19 vezes e tem 11 triunfos e oito derrotas. A italiana vive situação delicada na organização, com três reveses seguidos, e precisa da reabilitação para não correr risco de demissão. Mesmo com o momento ruim da adversária, a mineira demonstrou cautela e já tem a estratégia para o combate. 

“Acho que ela vai buscar fazer uma luta mais agressiva, até porque ela está na corda bomba. Mas no UFC não tem ninguém ruim, então não acho que vai ser um combate fácil. Quero aproveitar esse momento dela, buscar uma vitória e dar o meu melhor. Então, eu estou esperando a melhor versão da Mara para essa luta ser um destaque no evento. Não sei por que ela vem de tanta derrota, ela é muito boa no grappling e é onde eu gosto de lutar. Apesar dela ter essa qualidade, eu me considero melhor. Difícil ter alguma lutadora com meu nível de grappling na categoria”, declarou.

(Foto: Reprodução/Instagram)


Mayra Bueno disse que o foco está na adversária deste sábado, mas ela não deixa de pensar no futuro na organização. A preocupação está em mostrar qualidade na luta contra a italiana. “Eu quero lutar bem para renovar meu contrato. Uma derrota me bota em um local bem complicado. Eu tenho nomes na cabeça, mas estou com foco primeiro em buscar esse novo contrato e depois falar quem quero enfrentar”, comentou.

UFC Fight Night: Covington x Woodley

Sábado, 19 de setembro
Horário: 18h (card preliminar); 21h (card principal)
Local: UFC Apex, em Las Vegas
Transmissão: Canal Combate

Card principal

Colby Covington x Tyron Woodley
 Donald Cerrone x Niko Price
Khamzat Chimaev x Gerald Meerschaert
Johnny Walker x Ryan Spann
Mackenzie Dern x Randa Markos
Kevin Holland x Darren Stewart

Card preliminar

Mayra Sheetara x Mara Romero Borella
Jordan Espinosa x David Dvorak
Jessica-Rose Clark x Sarah Alpar
Journey Newson x Randy Costa
Andre Ewell x Irwin Rivera
Darrick Minner x TJ Laramie
 Miguel Baeza x Jeremiah Wells
Tyson Nam x Jerome Rivera

Tags: Las Vegas UFC Fight Night UFC Mayra Bueno Sheetara mara romero borella maravilla