MMA

UFC

Jon Jones e Cormier trocam farpas após polêmica sobre 'melhor da história' no UFC

Declaração de DC sobre doping motiva reação de Bones no Twitter

postado em 18/11/2020 20:15

(Foto: AFP)

O clima de paz, ou mesmo de trégua, entre os ex-campeões Jon Jones (meio-pesados) e Daniel Cormier (peso pesado e meio-pesados) não durou muito. Aposentado do UFC desde agosto passado, DC fez comentário polêmico sobre o 'melhor lutador da história da organização', o que levou Bones a responder com boa dose de ironia ao antigo desafeto. 

Em recente entrevista, Daniel Cormier, que é comentarista do UFC, disse que Jon Jones não poderia ser considerado GOAT - sigla em inglês para o 'melhor de todos os tempos' - por ter falhado em exames antidoping na organização. Foi o suficiente para deixar Jon Jones irritado a ponto de responder ao antigo rival no Twitter.

Em diversas postagens, Jon Jones ironizou Cormier, que se aposentou do UFC após perder a disputa de cinturão dos pesados para Stipe Miocic, em revanche no UFC 252. “DC, você perdeu sua última luta e depois desistiu do esporte. Fale sobre ser eliminado da conversa. Um cara que fracassou agora senta e fala o que não posso fazer, hilário", escreveu.



"Levantar depois de ser nocauteado é muito difícil. É fácil desistir e falar do lado de fora. DC não tem moral para falar quem é o maior de todos ou não”, seguiu Bones em nova postagem no microblog, completando: 'O Cormier até pode ser considerado um cara correto, mas nunca será considerado o melhor em nada. Já perdi muitas vezes ao longo da vida, mas o competidor feroz que há em mim não me deixa encerrar a carreira com uma derrota. Sinceramente, é desse jeito que vou lembrar do Cormier. Desistindo dos seus fãs e do esporte, deixando seu legado com uma derrota."

Jon Jones, que abdicou do cinturão dos meio-pesados para uma eventual subida para os pesados (até 120kg), teve problemas com antidoping em três ocasiões, duas delas depois de derrotar Daniel Cormier, valendo o cinturão até 93kg - os resultados foram transformados em No Contest (sem resutado). Bones também falhou em teste antes do UFC 200, em 2016, com presença de duas substâncias proibidas, ambas inibidoras de estrogênio, e foi retirado do card.



Cormier respondeu, também em postagem no Twitter: "Depois que eu perdi de você com os esteroides, ganhei de volta o título do peso-meio-pesado e depois do peso-pesado. Fiz uma cirurgia e depois o Stipe Miocic me ganhou duas vezes. Claro que soa como desistir, não é? Tenho 41 anos. Vamos ver o que você vai estar fazendo com 41 anos, seu perdedor. Mal posso esperar para saber."

Por fim, Jon Jones rebateu em nova publicação no microblog. "É assim que você fala com o seu superior, Daniel? Quando eu tiver com 40 anos, já vou ter me aposentado há uns cinco. É isso que acontece quando você ganha dos melhores. Quem sabe você pode ser o melhor treinador de ensino médio que já existiu. Boa sorte, estou torcendo por você. Não fale merda e não terei que ser tão mau. Cutuque o leão e posso machucar os seus sentimentos. Estou aqui o dia todo, senhoras e senhores", escreveu Bones. 

Tags: twitter bones UFC jon jones daniel cormier DC goat