Atlético

ATLÉTICO

Roger Machado espera último treino do Galo para definir utilização de Robinho no clássico

Atacante pode voltar ao time no clássico contra o América, no domingo

postado em 17/02/2017 11:46

Juarez Rodrigues/EM/D.A Press
O Atlético segue se preparando para o clássico contra o América, domingo, às 17h, no Mineirão. Nesta sexta, na Cidade do Galo, o técnico Roger Machado orientou atividades táticas e técnicas, sem dar pistas do retorno de Robinho ao time no duelo contra o Coelho. A utilização ou não do camisa 7 só será definida no treinamento na tarde deste sábado.

O atacante voltou aos treinos nesta semana depois de uma pequena fratura na costela, que aconteceu em 25 de janeiro, no amistoso entre Brasil e Colômbia. Recuperado, o atacante vem participando normalmente das atividades, mas sua participação no clássico ainda é incerta.

Roger Machado afirmou que o atacante está se sentindo bem, mas prega cautela para definir a estreia de Robinho pelo Galo na temporada. “A gente tem mais um treino. O Robinho vem sendo inserido na rotina de trabalho. Estamos avaliando. Ao fim do treino, conversei com ele, que está se sentindo muito bem. Temos que ter cautela. Vamos definir no último treino se ele joga desde o início, participa do jogo ou volte apenas no próximo jogo”, disse.

O técnico do Atlético afirmou que a maior preocupação com Robinho é com a reação do jogador depois da lesão. Roger Machado não teme pelo condicionamento físico do atacante, que ficou parado por cerca de duas semanas.

“Ele ficou parado por duas semanas, depois iniciou gradativamente o condicionamento. Vamos ver o resultado do treino, como ele se sente e volta para o próximo turno de trabalho. Se estiver bem, joga. Ele pega condicionamento físico rápido e isso não me preocupa. Temos que gerenciar a questão para ver se ele terá boas condições para ir para o jogo”, completou.

Se optar pelo retorno de Robinho, Roger Machado terá problemas para montar o time. O atacante pode fazer a função pelo lado esquerdo do ataque, onde Danilo vem jogando, ou centralizado, na vaga de Cazares. Caso escale o camisa 7 pela ponta, o técnico atleticano terá que adaptar Danilo, peça importante no time nos últimos jogos, a jogar pelo meio.

“Posso colocar o Robinho por dentro, ele foi artilheiro aqui no Atlético jogando dessa forma. Se ele jogar pelo lado, ele consegue fazer, porque tem bom condicionamento físico e dedicação de garoto. Podemos equilibrar a necessidade. Temos que ver como o Danilo pode jogar mais centralizado, já que está jogando pelo lado esquerdo, e no meio, muitas vezes, ele receberia a bola de costas. O Robinho já jogou até de centroavante, já foi bem. O mais difícil é equilibrar as forças dentro de campo”, concluiu.

Tags: nacional seriea america atleticomg