Cruzeiro

CRUZEIRO

Jogadores do Cruzeiro e músicos do Skank se tornam sócios da categoria 'Diamante'

Modalidade mais cara do programa tem mensalidade de R$ 1 mil

postado em 03/07/2020 12:11 / atualizado em 06/07/2020 08:29

(Foto: Arquivo pessoal)
O presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, anunciou que o goleiro Fábio, o zagueiro Leo e o atacante Marcelo Moreno se tornaram sócios da categoria ‘Diamante’, com mensalidade de R$ 1 mil. Também aderiram ao programa os músicos Samuel Rosa e Henrique Portugal, integrantes da banda Skank.


“Recebi uma notícia ótima aqui agora. Dois grandes cruzeirenses, Samuel Rosa e Henrique Portugal, acabaram de fazer o sócio Diamante. Mandaram aqui a confirmação, os nomes deles constam na lista, é isso que a gente precisa. Temos o Fábio, o Léo, o  Moreno, os jogadores que estão fazendo sócio. E os artistas cruzeirenses também estão fazendo sócios. Obrigado, Samuel, obrigado, Henrique”, afirmou Sérgio, em live ao lado da jornalista Juliana Guimarães, no canal oficial do clube no YouTube.

A ligação do Skank com o futebol vem de muitos anos. O clipe de “É Uma Partida de Futebol”, uma das canções mais famosas do grupo, foi gravado em um clássico entre Cruzeiro e Atlético, pelo Campeonato Mineiro de 1997. Samuel Rosa e Henrique Portugal se juntaram à multidão azul no Mineirão, enquanto os outros integrantes da banda, Lelo Zaneti e Haroldo Ferretti, fizeram a festa no lado alvinegro. O duelo realizado em 16 de março terminou empatado por 1 a 1. O vídeo tem mais de 5,4 milhões de visualizações no YouTube.

Sérgio Rodrigues reiterou o carinho dos artistas pelo clube celeste. “O Henrique, além de estar no Comitê de Inovação aqui, todos sabem do grande cruzeirense que ele é. O Samuel, então, nem se fala. Quantos vídeos a gente viu do Samuel perdendo a cabeça no Mineirão, o tanto que ele gosta do Cruzeiro. Um abraço aos dois, obrigado por acreditarem no processo de construção do novo Cruzeiro”.


Caso o sócio Diamante atinja a meta de 1.000 adesões, o Cruzeiro terá faturamento bruto mensal de R$ 1 milhão com a categoria. Até o momento, de acordo com Sérgio Rodrigues, o número de cadastros gira em torno de 200 (R$ 200 mil/mês de receita).

“Estamos passando de 200 (sócios). O objetivo do Sócio Diamante é proporcionar experiências e criar relacionamentos entre essas pessoas. É um produto legal, a gente sabe que não é barato, mas em uma semana conseguir essa quantidade de adesões, tenho certeza de que vamos bater a meta de 1.000 o quanto antes”.

Ao lado do presidente do Cruzeiro, o goleiro Fábio confirmou a participação. “Show de bola. Projeto maravilhoso. Fico feliz de poder participar, já estou com o meu garantido, a família está garantida nos jogos do Cruzeirão Cabuloso. Convido todos vocês a adquirirem aí”.

No site de divulgação, o Cruzeiro informa que o sócio Diamante terá benefícios como encontros exclusivos com outros membros, acesso ao espaço 'palco presidente' nos jogos em que o time for mandante, camisa oficial de 2020, camisa do centenário em 2021, par de ingressos para festas organizadas pelo clube e outras comodidades.

Demais categorias


Atualmente, a Raposa conta com cerca de 54.500 sócios, distribuídos nos planos Cabuloso (R$ 70/mês), Sangue Azul (R$ 100/mês), Palestra (R$ 160/mês), Cruzeiro Sempre (R$ 30/mês), Reconstrução (R$ 12/mês) e Kids (R$ 12/mês).

Nas últimas semanas, a diretoria distribuiu aos sócios uma pesquisa para saber a opinião sobre o programa. A tendência é que o projeto sofra várias alterações ao longo dos próximos meses. Para isso, Sérgio Rodrigues nomeou novos gestores na área de relacionamento, hoje liderada por Matheus Gonzaga.

Tags: Cruzeiro Léo Skank Samuel Rosa Marcelo Moreno Henrique Portugal Fábio Sérgio Rodrigues Sócio Diamante