Atlético

ATLÉTICO

Sette Câmara diz que Atlético usou dinheiro da venda de Alerrandro para pagar salários e quer terminar ano sem dever jogadores

Centroavante de 19 anos oficializou saída do clube mineiro na última sexta

postado em 04/12/2019 23:30 / atualizado em 04/12/2019 23:40

(Foto: Túlio Kaizer/Superesportes)
Segundo o presidente Sérgio Sette Câmara, o Atlético utilizou o dinheiro proveniente da venda de Alerrandro para pagar salários. Formado na base atleticana, o centroavante de 19 anos teve transferência ao Bragantino concretizada na última sexta-feira.


“O dinheiro foi utilizado para a quitação de salários. Acredito que também foi uma venda muito boa. O Atlético ainda fica com um percentual de 20%. O jogador pode ainda vir a jogar no exterior e o Atlético receber um bom dinheiro em cima disso”, disse Sette Câmara após a vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo, nesta quarta-feira, no Mineirão.

De acordo com o jornalista Heverton Guimarães, o Bragantino pagou ao Atlético 3 milhões de euros (quase R$ 14 milhões) por 80% dos direitos do atacante. Em razão de cláusula de confidencialidade, valores e condições da transação não serão divulgados pelos clubes.

Sette Câmara afirmou que o valor recebido pela venda de Alerrandro possibilitou o pagamento de parte dos vencimentos atrasados. A intenção do Atlético é quitar salários e o 13º até o final do ano. Para isso, o clube conta com o dinheiro de premiação da TV pelo desempenho no Campeonato Brasileiro.

“Uma parte (dos salários foram quitados). Nunca neguei isso, sempre fomos muito transparentes. Agora, no dia 16 vamos receber um dinheiro da TV e acredito que a gente vai conseguir colocar muita coisa em dia. Espero virar o ano sem estar devendo ninguém, no sentido de atletas”, disse.

Com a vitória sobre o Botafogo, o Atlético subiu momentaneamente para a 11ª posição do Brasileirão, com 48 pontos. O time mineiro pode terminar a competição entre a nona e a 13ª colocações, o que impacta na premiação. A última partida será contra o Internacional, neste domingo, a partir das 16h, no Mineirão.

Veja os valores de premiação por posição:

  • 9º lugar - R$ 19,8 milhões
  • 10º lugar - R$ 18,15 milhões
  • 11º lugar - R$ 15,5 milhões
  • 12º lugar - R$ 14,6 milhões
  • 13º lugar - R$ 13,7 milhões (posição atual do Atlético)

Tags: galo atleticomg interiormg futnacional seriea