Atlético

ATLÉTICO

Atlético ultrapassará R$ 50 mi em vendas na temporada após saída de Marrony

Jogador está perto de trocar o Galo pelo Midtjylland, da Dinamarca

postado em 06/08/2021 05:00 / atualizado em 06/08/2021 01:22

(Foto: Pedro Souza/Atlético)
 
O Atlético está próximo de concluir a venda do atacante Marrony, de 22 anos, ao Midtjylland, da Dinamarca. A negociação evoluiu nesta semana e faltam detalhes para a assinatura do contrato entre as partes. O jogador será negociado por 4,5 milhões de euros (cerca de R$ 27,5 milhões), com bônus que podem elevar os valores da transação para R$ 40 milhões.
 
Quando concluir a venda de Marrony para o clube dinamarquês, o Atlético vai atingir uma importante marca: mais de R$ 50 milhões em negociações de seus ativos na atual temporada. Até o momento foram quatro saídas concluídas, sendo que apenas um dos atletas estava no elenco principal do Galo.
 
O Atlético já vendeu quatro jogadores na temporada 2021: o zagueiro Gabriel, por cerca de R$ 10,2 milhões ao Yokohoma FC, do Japão; o volante Léo Sena, por R$ 8,1 milhões ao Spezia, da Itália; o meia David Terans, por R$ 7,5 milhões ao Athletico-PR; e o atacante Edinho, por cerca de R$ 1,5 milhão ao Fortaleza. Os últimos três não estavam no elenco do técnico Cuca.
 
No total, o Alvinegro já arrecadou R$ 27,3 milhões em vendas de jogadores. Com a conclusão da negociação de Marrony, vai atingir a receita bruta de R$ 54,8 milhões em transações. O valor ainda é bem abaixo das expectativas do clube, que planeja somar R$ 120 milhões com transações até o fim do ano - os números foram apresentados pelo Atlético no Galo Business Day.
 

A venda de Marrony

 
Na última semana, o jornal O Dia divulgou os valores da negociação. O Midtjylland propôs pagar 3 milhões de euros no ato da transferência (R$18,3 milhões) e 1,5 milhão de euros (R$9,15 milhões) em junho de 2023, totalizando 4,5 milhões de euros (R$27,5 milhões).
 
Dessa quantia, 630 mil euros (R$3,8 milhões) iriam para os cofres do Vasco, detentor de 14% dos direitos de Marrony, e 270 mil euros (R$1,6 milhão) seriam repassados ao Volta Redonda, proprietário de 6%.
 
Além dos 3,6 milhões de euros iniciais (R$21,9 milhões), o Galo teria direito a um bônus de 1 milhão de euros por cada um dos primeiros três anos de contrato (R$6,1 milhões x 3 = R$18,3 milhões), desde que Marrony dispute metade das partidas do Midtjylland. A duração do vínculo é de cinco temporadas, até junho de 2026.
 
O Midtjylland disputa a Superliga Dinamarquesa e tem parceria com o Brentford, da Inglaterra, o que indica uma possibilidade de Marrony atuar na Premier League no futuro.
 
Marrony foi contratado pelo Atlético ao Vasco em junho de 2020, por R$20 milhões, valor referente a 80% dos direitos econômicos. À época, o jovem de 22 anos chegou ao Galo com status de promessa e potencial para futura revenda.
 
Em sua passagem pelo alvinegro, o atacante não se firmou como titular, porém foi bastante aproveitado na condição de suplente. Ao todo, marcou 10 gols em 63 jogos a serviço do Galo.
 
Atualmente, Marrony está no departamento médico do clube. No início de julho, o atleta sofreu uma torção no joelho direito na vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo, pela 10ª rodada do Brasileirão.


Tags: galo atlético interiormg mercadobola