Atlético

Renan Oliveira mostra confiança para agarrar chance no ataque alvinegro

postado em 03/07/2011 15:46 / atualizado em 03/07/2011 17:14

Jorge Gontijo/EM/D.A Press
Depois de entrar no segundo tempo da derrota do Atlético para o Flamengo, por 4 a 1, no Engenhão, o meia-atacante Renan Oliveira deverá ganhar nova oportunidade do técnico Dorival Júnior. O jogador pode ser escalado mais à frente, formando dupla com Guilherme, no confronto diante do Ceará, na próxima quarta-feira, em Fortaleza, na sequência do Campeonato Brasileiro. Assim, o experiente Magno Alves, até então titular, está prestes a perder vaga no setor ofensivo.

Renan Oliveira ficou fora das quatro primeiras rodadas do Brasileiro, quando se recuperava de entorse no joelho direito. Ele voltou a atuar no empate diante do Atlético-GO (2 a 2), na Arena do Jacaré, entrando na etapa final e deixando a marca uma vez. Jogou ainda contra o Flamengo, mas, no confronto com o Internacional, na goleada sofrida pelo time alvinegro em casa (4 a 0), ficou no banco de reservas e não foi acionado pelo treinador.

Com a má fase da equipe, que não vence há cinco rodadas, e também do ataque, inoperante nos últimos dois jogos, Dorival Júnior decidiu mexer e vai escalar uma nova dupla. Acostumado a atuar mais adiantado nos tempos de futebol de base do Galo, Renan Oliveira voltará a ser um autêntico atacante, diante do Ceará.

"É mais uma oportunidade, em um momento difícil para a nossa equipe, em um jogo fundamental para nosso time. A gente vem trabalhando forte esta semana. A equipe se mostrou bem ofensiva nos treinamentos", avaliou o jogador, que teve bom desempenho pelo time júnior como atacante, apesar de ser um armador de origem, avançando com a bola dominada.

Renan Oliveira deverá ser uma das novidades do Galo para a partida em Fortaleza. Ele terá a companhia do meia-atacante Caio, confirmado por Dorival Júnior e pronto para estrear no time alvinegro, saindo Daniel Carvalho, com o terceiro cartão amarelo. Outras mudanças, por motivo de suspensão, são o lateral-direito Roger, formado na base, na vaga de Patric, e o experiente Leandro, substituto de Guilherme Santos, expulso diante do Internacional.

Tags: