Atlético

ATLÉTICO

Vítima de tragédia em Mariana lamenta perda de 70 camisas do Atlético e mobiliza internautas

Morador de Bento Rodrigues perdeu toda sua coleção de uniformes do clube

postado em 10/11/2015 08:43 / atualizado em 10/11/2015 09:21

O rompimento de duas barragens de rejeitos da mineradora Samarco, na última quinta-feira, que causou uma enxurrada de lama no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, Região Central de Minas Gerais, determinou inúmeras perdas para os moradores do pacato vilarejo. Além de entes queridos, os habitantes perderam suas casas e, dentro delas, bens materiais de valores inestimáveis. No caso de Onezio de Souza, uma coleção com mais de 70 peças de camisas do Atlético, seu clube do coração.

Na noite dessa segunda-feira, a voluntária Gabriela Gomes, que está em Mariana prestando solidariedade aos atingidos pela destruição, publicou um vídeo em seu Facebook contando a história de Onezio e pedindo ajuda ao Atlético.

“Hoje pela manhã ele esteve no posto de arrecadação em que estamos trabalhando, e disse que perdeu tudo. Que estava ali para pegar algumas coisas, como roupa, produtos de higiene pessoal, mas não pegaria muito porque não tinha para onde levar, já que estão em hotel. Mas uma coisa que ele queria muito era uma camisa do Galo, já que ele tinha uma grande coleção e havia perdido tudo”, disse a advogada, de 26 anos, ao Superesportes.

ATENÇÃO TORCIDA ATLETICANA!Esse é o Sr. Onezio Izabel de Souza, morador do distrito de Bento Rodrigues, em Mariana/MG, e perdeu TUDO com a tragédia do rompimento da barragem na última quinta feira. Dentre as perdes estava sua COLEÇÃO DE CAMISAS DO CLUBE ATLÉTICO MINEIRO (eram aproximadamente 70) e tudo mais o que se puder pensar do Galo.Pedimos a ajuda de todos, independente do time, para ajudá-lo a recuperar sua coleção tão amada!"O Atlético mora no meu coração, faz parte da minha família.""Meus preferidos são o Victor pelo pé esquerdo e o Luan pelo carinho com a torcida - Menino Maluqinho, mas amo todos!"COMPARTILHEM ATÉ CHEGAR A ALTA CÚPULA DO GALO!!!EU ACREDITO que já já vamos dar essa alegria a esse atleticano apaixonado que perdeu tudo!Vale ressaltar que Sr. Onezio também é treinador do time de Bento Rodrigues e eles perderam todos uniformes e todos materiais.Quem quiser ajudar favor entrar em contato Inbox ou pelos telefones: (31)98776-2775 - Gabriela Gomes ou (31)97543-5325 - Bárbara Guimarães.

Posted by Gabriela Gomes on Segunda, 9 de novembro de 2015


“Eu sou cruzeirense, mas diante dessa situação a gente se comoveu e pensamos em ajudar de alguma forma. Eu não resisti e pelo menos uma camisa do Galo ele já tem, porque comprei lá na hora”, contou. Ela lembra que o primeiro a encontrar Onezio foi Anderson, funcionário da Samarco e que participa da força-tarefa aos desabrigados como voluntário.

No vídeo, que já se espalhou pelas redes sociais em mais de 100 compartilhamentos e foi visto por mais de 7.500 pessoas, o morador, que também é treinador do time de Bento Rodrigues, relata a perda com muita tristeza. “Eu sou um eterno apaixonado pelo Galo. Sou apaixonado pelo Galo. Tinha uma coleção de camisas e perdi tudo. Tinha umas 77, 78 (camisas) mais ou menos. Depois das minhas criações, é minha pior perda”, diz.

Onezio de Souza está hospedado em um hotel da região e, segundo Gabriela, é muito tímido. Ele é uma das centenas de pessoas que estão desabrigadas por consequência do rompimento das barragens. Até aqui, já foram confirmadas três mortes – a lista de desaparecidos tem 24 nomes.

Clubes solidários

Nos últimos dias, os clubes mineiros mostraram solidariedade com as vítimas do rompimento das barragens. Em parceria com o Serviço Voluntário de Assistência Social (SERVAS), o Cruzeiro reuniu seu torcedor antes do jogo contra o São Paulo, no Mineirão, e arrecadou três caminhões de mantimentos. O Atlético, por sua vez, divulgou nota oficial e se colocou à disposição para ajudar as vítimas de Mariana.

Tags: mariana atlético mariana tragedia seriea atleticomg