Atlético

ATLÉTICO

Sette Câmara lamenta situação de Ronaldinho e torce por jogo de despedida pelo Atlético

Presidente do Galo acredita que neste ano realização da partida ficou complicada

postado em 30/03/2020 10:45 / atualizado em 30/03/2020 11:01

(Foto: Bruno Cantini / Atlético)
O presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara, lamentou a situação vivida por Ronaldinho Gaúcho, que está preso no Paraguai desde o dia 4 deste mês, e torce para que no futuro o craque faça um jogo de despedida vestindo a camisa do Galo.

"É uma situação muito triste. A gente lamenta muito que isso esteja acontecendo. O Ronaldinho é uma pessoa excepcional. Quem o conhece pessoalmente, como eu conheço, pode dar esse depoimento. É um menino doce, educado, humilde. Espero que ele, de fato, tenha sido envolvido em uma trama, que é o que estão alegando lá, e consiga logo voltar para o Brasil", disse.

Ronaldinho Gaúcho está preso por uso de documentos falsos. O ex-jogador e seus advogados aguardam nos próximos dias um relatório feito pelos investigadores da polícia após análise de seu aparelho celular.

O presidente do Atlético disse que havia tratativas sobre o jogo de despedida de Ronaldinho Gaúcho com a camisa do Atlético.

"A gente tinha uma conversa com o Assis, irmão dele, para tentar fazer um jogo de despedida do Ronaldinho, que acabou não acontecendo. Para esse ano ficou complicado. Acredito que ele vai resolver essa questão, torço para que isso aconteça. Que ele comprove que não tem culpa no cartório. E aí, vamos torcer para ele fazer esse jogo de despedida, porque a torcida gosta muito dele", afirmou Sette Câmara.

Com o Atlético, Ronaldinho conquistou Campeonato Mineiro (2013), Copa Libertadores da América (2013) e Recopa Sul-Americana (2014).

Tags: mercado ronaldinho atleticomg mercadobola settecamara