Atlético

ATLÉTICO

Médico do Atlético comenta medidas de segurança: 'Se alguém apresentar sintomas, será imediatamente afastado'

Rodrigo Lasmar explicou as regras do clube para impedir a contaminação dos funcionários pela Covid-19

postado em 19/05/2020 12:52 / atualizado em 19/05/2020 17:06

(Foto:  Pedro Souza / Agência Galo / Atlético)
Os jogadores do Atlético voltaram aos treinamentos na manhã desta terça-feira. Depois que os exames para a Covid-19 foram feitos e ninguém foi detectado com o vírus, os atletas fizeram trabalho em campo. O chefe do departamento médico do Galo, Rodrigo Lasmar, explicou os procedimentos de segurança para a retomada das atividades.

 
"A partir de agora, todos preencherão o questionário médico para identificar possíveis sinais de quem tenha tido contato ou exposição de risco. Será medida a temperatura de todos antes dos treinos. Se em algum momento, uma pessoa apresentar algum sintoma, ela será afastada e avaliada", disse.

"Estamos orientando para que todos os profissionais usem máscaras. Os atletas usarão máscaras até a entrada do campo, e todos os outros profissionais usando máscara em período integral. E todos os equipamentos de proteção individual serão utilizados", acrescentou.

Os jogadores foram divididos em cinco grupos, em horários distintos, a partir de 8h30. Há espaçamento de horário para evitar aglomeração entre os atletas. Imprensa, familiares e convidados não terão acesso à Cidade do Galo durante o período da pandemia. 

"Teremos os jogadores divididos em pequenos grupos, grupos de no máximo quatro, cinco atletas. Chegarão em horários fracionados, para não ter aglomeração na chegada e saída. Fizemos dinâmica no campo para os grupos não se encontrarem. Então, nosso objetivo é para que número pequeno de pessoas tenham contato, que cheguem aqui com os uniformes. Vão apenas colocar a chuteira. Os atletas fazem o treino e imediatamente voltam para casa", disse Lasmar. 

Os atletas não usarão vestiários, academia, ducha para banho e cozinha durante esse período. "Vamos minimizar o contato em vestiário, em cozinha porque não haverá alimentação. Tudo sendo feito com critério, equipamentos descartáveis. Todas medidas protetivas estão sendo tomadas", frisou Lasmar.



O retorno do Atlético aos treinos foi definido depois do resultado dos testes de COVID-19, que ocorrerão na semana passada. Foram feitos 120 avaliações, como exames de sangue, para analisar presença de anticorpos do vírus, e de secreção nasal e garganta, para detectar a presença do coronavírus no organismo. De acordo com o departamento médico, todos deram resultados negativos para o SARS-CoV-2.


Tags: médico atleticomg Rodrigo Lasmar covid-19