Atlético

ATLÉTICO

Lesão de Diego Tardelli obriga o Atlético a intensificar busca por atacante

Ídolo alvinegro teve contusão no tornozelo direito em jogo-treino

postado em 16/07/2020 08:09

(Foto: Pedro Souza/Atlético)

Se o Atlético tinha como prioridade a contratação de mais um reforço para o setor ofensivo, com a lesão de Diego Tardelli a busca deve ser intensificada e até ampliada nos próximos dias. O atacante, ídolo da torcida, teve trauma grave no tornozelo direito, durante o jogo-treino contra o América, na manhã desta quarta-feira, na Cidade do Galo, e será desfalque por vários meses. 

As atenções no clube estavam divididas entre a chegada de um centroavante e outro goleiro – esse um pedido insistente do técnico Jorge Sampaoli. Com a lesão de Diego Tardeli, o Atlético deve acelerar a busca por outro atacante para repor a perda no setor, ou até mesmo dois. O clube rescindiu com o argentino Franco Di Santo, que acertou com o San Lorenzo, e negocia acordo para encerrar o vínculo do veterano Ricardo Oliveira, ambos fora dos planos para a sequência da temporada.

Depois de contratar o experiente Keno e o promissor Marrony, o Atlético busca um jogador com características de referência na área. O mercado argentino, até por indicação de Sampaoli, está em evidência no clube, que negocia com o Talleres a vinda de Nahuel Bustos, de 22 anos, mas o valor pedido assusta: 7 milhões de euros, livres de impostos, o que equivale a R$ 42 milhões. Outro entrave é a concorrência de europeus como Roma, Sevilla e Porto. 

Em recente entrevista à Rádio Itatiaia, o diretor de futebol do Atlético, Alexandre Mattos, disse que as notícias sobre a procura pelo clube por atacantes têm levado a uma valorização de nomes por parte dos empresários. O dirigente, que alertou para a falta de veracidade de informações sobre pretendidos pelo Galo, afirmou que, em função da dificuldade para negociar no exterior, o mercado interno pode ser opção.

MAIS GRINGOS

O Atlético não confirma nomes, mas há outros jogadores estrangeiros citados como alvos do alvinegro. Um deles é bem conhecido da torcida, Lucas Pratto, de 32 anos, que defendeu o Galo entre 2015 e 2017 e se transformou no maior goleador ‘gringo’ do clube: disputou 107 partidas e deixou a marca 42 vezes. O Urso, como é conhecido, também agrada a Sampaoli e está de saída do River Plate, da Argentina. 

O chileno Vargas, que está no Tigres, do México, é outro nome especulado. Ele conhece bem Sampaoli, foi comandado pelo treinador na Seleção do Chile e na Universidad de Chile e até postou nas redes sociais que gostaria de voltar a trabalhar com o argentino e que jogaria no Atlético, causando alvoroço na torcida alvinegra. O atacante de 30 anos tem contrato com clube mexicano até junho de 2021 e, segundo o Transfermarkt, tem os direitos econômicos avaliados em US$ 3 milhões – R$ 16 milhões.

Da Argentina, o Atlético teve propostas negadas pelo San Lorenzo para contratar a promessa Adolfo Gaich. O jogador, de 21 anos, tem valor de mercado estimado em 11 milhões de euros, mais de R$ 67 milhões, fora dos padrões financeiros do clube mineiro. O ex-cruzeirense Ramón Ábila, do Boca Juniors, e Silvio Romero, do Independiente, foram nomes especulados pela imprensa argentina.

Tags: galo atlético atacante reforços lesão Diego Tardelli interiormg Sampaoli