Atlético

ATLÉTICO

Novo diretor do Atlético explica função no clube e vê crise como oportunidade de negócio

Leandro Figueiredo Magalhães será responsável por aumentar a arrecadação, estreitando relações entre torcida, clube e patrocinadores

postado em 14/08/2020 10:30 / atualizado em 14/08/2020 14:47

(Foto: Reprodução / TV Galo)
O diretor de negócios do Atlético, Leandro Figueiredo Magalhães, explicou sua função no clube em entrevista à TV Galo. O desafio dele será aumentar a arrecadação, estreitando relações entre torcida, instituição e patrocinadores. Leandro coordenará o programa Galo Na Veia e será responsável por outros projetos que envolvam engajamento com os atleticanos. 

"Cuido de todos os pontos de contato da torcida com o clube. O Galo Na Veia, por exemplo, agora passa a fazer parte do meu departamento. Os cases, como o 'Manto da Massa', são de minha responsabilidade trazer esses novos projetos para o clube, com novas experiências para os torcedores. Outro objetivo é monetizar tudo que nós temos. Temos muita audiência, nos tornamos um grande veículo de comunicação, e queremos que as marcas se aproximem do Atlético para gerar recursos e manter o clube com musculatura financeira para que não saia da posição em que ele está. Todos os processos estão mapeados e sabemos dos nossos desafios".

Embora o momento seja de incerteza por causa da pandemia do novo coronavírus que já vitimou 105.615 brasileiros até esta quinta-feira, o diretor do Atlético acredita que a crise pode trazer oportunidades para o clube.

"Foi na pandemia que eu mais me reinventei, que eu mais tive sucesso na minha carreira e também no lado pessoal, como pai, como marido, como amigo. Vejo que este momento é de muita transformação. Quando eu olho para o futebol, eu vejo muitas oportunidades. A aproximação da torcida, o engajamento dela com as nossas plataformas digitais aumentou substancialmente. Mesmo com toda esta distância, a gente conseguiu conexão com a massa, que foi muito legal. Vejo a torcida muito mais presente, questionando muito, trazendo ideia. E vejo o momento de pandemia como oportunidade de muitos novos negócios, principalmente para as marcas que queiram se associar ao Atlético. Elas têm uma oportunidade de ter uma conexão com a massa muito maior. E quanto mais a massa participa conosco, melhores serão nossos negócios aqui dentro. Esse é um caminho sem volta".  

Resultado


Eleito pelo Mercado Publicitário de Minas Gerais e anunciantes como o destaque da área comercial nos anos de 2016 e 2019, Leandro era diretor comercial e de marketing no Grupo Bandeirantes de Comunicação, em Belo Horizonte, antes de assumir o cargo no Galo. A meta dele no clube é aumentar a arrecadação.

"Eu venho do mercado corporativo. O que é o mercado corporativo? Para ficar muito claro até como eu vejo o mercado. É o mercado da meritocracia. Você só se mantém nele se você trouxer resultado. Acabou. Nada além disso. A relação é bacana, mas você tem que dar resultado. Eu sempre fui esse cara do resultado, de ser acelerado, muito agitado. Então, eu sou focado em resultado. Não é nem meta, é resultado", disse. 

"Quando olhei para os projetos do Atlético, vi que estão tocando um projeto de muita gestão, de muita transparência. Hoje, todo departamento aqui tem a noção de quanto estão gastando, de quanto gerar resultado, onde tem que gerar economia. E é isso que você vê no mercado corporativo. Quando cheguei, descobri que tinha tanta tecnologia e dados para fazer gestão, falei: 'Que legal isso'. O que me chamou atenção é esse formato de gestão do clube", frisou.

Leandro se disse ávido por resultados: "Quando eu olho desde a base até a ponta, pela gestão que está sendo feita hoje no futebol, pelo treinador, pelo comprometimento dos jogadores, isso é muito legal. E facilita muito para quem é ávido por resultado, que é o meu negócio, meu desafio dentro do Galo. Então, eu vejo que o clube está bem gerido, muitas plataformas de gestão. Estou me sentindo muito confortável porque estou começando a ter dados para que eu tome as melhores decisões dentro do departamento de negócios do clube. Este é meu desafio, monetizar tudo isso. Melhorar o clube no quesito financeiro. Então, temos muitos desafios pela frente". 

Tags: galo clube diretor negócios Leandro Figueiredo