Atlético

CAMPEONATO BRASILEIRO

Com gol de Jair, Atlético vence o São Paulo no Mineirão pelo Brasileiro

Volante substituiu Tchê Tchê no confronto e foi decisivo para o triunfo em casa

postado em 13/06/2021 17:54 / atualizado em 13/06/2021 18:04

(Foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

A melhor economia possível. Assim podemos resumir o duelo entre Atlético e São Paulo no Mineirão. O Galo venceu o jogo pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro por 1 a 0, gol marcado por Jair. Ele foi escalado na equipe para substituir Tchê Tchê, impossibilitado de jogar pelo vínculo ligado ao tricolor. O alvinegro optou por não pagar R$ 1 milhão pela liberação e essa se mostrou a melhor decisão. 
 
Tchê Tchê está emprestado ao Atlético pelo São Paulo. Para o meio-campista entrar em campo, o Galo deveria pagar R$ 1 milhão, cláusula prevista em contrato. O alvinegro decidiu fazer a economia do valor e acabou garantindo a vitória justamente com gol de Jair, que aproveitou belo cruzamento rasteiro de Hyoran.

 
Com a vitória, o Atlético chegou aos 6 pontos no Campeonato Brasileiro e assumiu a 5ª posição (pode perder até três posições na classificação com o fim da rodada). Já o São Paulo segue com um ponto e sem marcar na competição.
 
Os dois times voltam a campo pelo Campeonato Brasileiro na próxima quarta-feira, às 19h. O Atlético visita o Internacional, no Beira-Rio. Já o São Paulo recebe a Chapecoense.

 

O jogo

 
Cuca escolheu o volante Jair para substituir Tchê Tchê, impossibilitado de jogar por questões contratuais. A opção do treinador se mostrou acertada logo no primeiro tempo.
 
O jogo começou de muito estudo, com o São Paulo dominando a posse de bola, principalmente no setor defensivo, sem conseguir sair jogando com muita qualidade. O Atlético, com as linhas mais baixas, esperava o momento para sair em velocidade.
 
Na primeira vez que atacou rápido, o Atlético levou perigo. Hulk arrancou do meio-campo e deixou Keno na cara do gol, mas o atacante chutou em cima de Tiago Volpi.
 
Pouco depois, nova jogada em velocidade do Galo, mas o destino foi diferente. Rabello acionou Hulk, que girou para receber no campo de defesa. O camisa 7 arrancou e conduziu a bola até a entrada da área tricolor, quando acionou Hyoran, na direita. O meio-campista cruzou rasteiro para Jair aparecer entre os zagueiros e abrir o placar: 1 a 0.
 
Depois do gol, o Atlético manteve a estratégia de linhas baixas, enquanto o São Paulo seguia com dificuldades em chegar no ataque. O tricolor teve até duas boas chances, com Rigoni, que finalizou com perigo, e num quase gol contra de Réver, quando Everson fez grande defesa. 
 
Antes do fim da etapa inicial, a equipe visitante ainda foi obrigada a mudar a formação tática. Capitão do time, Miranda deixou o campo lesionado. O tricolor, então, passou a atuar com apenas dois zagueiros.
 
O segundo tempo começou e as equipes mantiveram a mesma postura. O São Paulo, com as linhas mais altas, empurrando o Atlético para o campo de defesa. O Galo, sem a posse da bola, buscando um contra-ataque para matar o jogo.
 
O jogo, no entanto, foi de muita disputa física e pouca criação das equipes. O São Paulo teve mais a bola, mas não conseguiu entrar na área alvinegra em condições de finalizar. O Galo, nas poucas vezes que foi ao ataque, levou mais perigo, mas também não conseguiu balançar as redes. No fim, mais uma vitória do Atlético no Campeonato Brasileiro.
 

ATLÉTICO 1 X 0 SÃO PAULO

 
Atlético
Everson; Guga (Mariano, 37/2°T), Igor Rabello, Réver e Guilherme Arana; Allan, Jair (Nathan, 35/2°T), Nacho Fernández e Hyoran (Marrony, 30/2°T); Keno (Echaporã, 30/2°T) e Hulk
Técnico: Cuca
 
São Paulo
Tiago Volpi; Bruno Alves, Miranda (Igor Vinícius, 39/1°T) e Léo; Rigoni, Rodrigo Nestor (Igor Gomes, 30/2°T), Liziero, Gabriel Sara (Galeano, 13/2°T) e Reinaldo; Luciano (Eder, 30/2°T) e Pablo (Rojas, 13/2°T)
Técnico: Hernán Crespo
 
Gol: Jair, 16/1°T
Cartão amarelo: Bruno Alves, 40/1°T
 
Motivo: 3ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte
Data: domingo, 13 de junho
Horário: 16h
 
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: André da Silva Bitencourt (RS)

Tags: galo atlético interiormg saopaulosp seriea