Coritiba

CASO SASSÁ

Coritiba decide demitir atacante Sassá, que pertence ao Cruzeiro

Clube celeste ainda não se pronunciou sobre o caso

postado em 14/09/2020 11:04 / atualizado em 14/09/2020 11:38

(Foto: Reprodução)
A diretoria do Coritiba já comunicou ao atacante Sassá da sua demissão por justa causa, após envolvimento do jogador em uma festa em Curitiba sem o uso de máscara e em local com aglomeração. O presidente do Coxa, Samir Namur, disse que o jurídico do clube cuidará das questões burocráticas envolvendo a saída do atleta, que pertence ao Cruzeiro.

"É possível sim (demissão por justa causa) e foi o que aconteceu. Já comunicamos o atleta hoje, com todo o amparo jurídico, por conta da aglomeração e da pandemia", disse Samir Namur, em entrevista ao blog da repórter Nadja Mauad, da TV Globo.

O Superesportes procurou o Cruzeiro, mas o clube ainda não se pronunciou sobre o assunto. Com a demissão do Coritiba, o atleta deve ter o futuro definido pela cúpula do futebol da Raposa.

Sassá participou de uma festa no último sábado, após derrota do Coxa para o Athletico-PR por 1 a 0, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

Emprestado pelo Cruzeiro ao Coritiba em janeiro deste ano, o atacante de 26 anos assinou vínculo de um ano com o clube alviverde. Em 18 jogos na temporada, foram quatro gols marcados.

A campanha do Coritiba no início do Brasileiro não é boa. Com seis derrotas, dois empates e duas vitórias, o time do Paraná ocupa a 19ª colocação, com oito pontos. Na próxima rodada, recebe o Vasco, que figura na primeira metade da tabela, às 20h do domingo, dia 20, no Couto Pereira.

O Brasil tem 131.663 mortes em decorrência do novo coronavírus. Ao todo, são 4.330.455 casos da doença.

Tags: mercado demissão coxa cruzeiroec sassa coritibapr ataante