Cruzeiro

CRUZEIRO

Com um quadro de trombose pulmonar, atacante Judivan, do Cruzeiro, é novamente internado

Jogador ainda se recupera de cirurgia realizada no joelho, em São Paulo

postado em 13/08/2016 12:53 / atualizado em 13/08/2016 15:33

Edesio Ferreira/EM/D.A Press
O atacante Judivan, do Cruzeiro, enfrenta novo problema médico. Depois de ter passado por cirurgia pela segunda vez em 22 dias, no início deste mês, ele teve um quadro de trombose pulmonar. Segundo o médico do clube mineiro, Sérgio Freire Júnior, o jogador está internado, mas não é nada que preocupe.

O médico garantiu que nos próximos dias Judivan terá alta. “Ele está bem. O problema foi detectado de forma muito precoce, foi identificado muito rapidamente, por isso não chegou a ter nenhuma repercussão para ele. Ele está internado, fazendo o tratamento. Ele está bem tranquilo, fazendo fisioterapia. Ele pode continuar fazendo a fisioterapia. Não pode fazer uma atividade maior”, explicou Sérgio Freire Júnior.

Ainda segundo Freire, o atacante cruzeirense deve deixar o hospital rapidamente. “Ele está internado em Belo Horizonte, mas é só para controlar a coagulação. Não é procupante. Coisa de poucos dias ele terá alta”, frisou. “Não é coisa demorada. Quando pega nessa fase inicial não tem problema. Uns quatro ou cinco dias ele estará liberado.”

Com relação à cirurgia feita em São Paulo, o jogador já havia recebido alta. “Ele voltou para BH e já tinha até ido ao Cruzeiro, para fazer controle. E começou a ter uma dor no tórax. Achamos que era um mau jeito, postura, e fizemos uma avaliação, uns exames. Mas aí contatamos o problema bem no início. A previsão de volta às atividades físicas é a mesma do início, um ano.”

Depois de machucar o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, quando defendia a Seleção Brasileira no Mundial Sub-20, em junho de 2015, Judivan foi submetido a duas cirurgias para se recuperar do problema. Em novembro, passou por nova artroscopia. Como o tratamento não evoluiu, o Cruzeiro anunciou uma nova operação 16 para julho. Por causa do problema, Judivan voltou à sala de cirurgia.

Mas uma infecção no local da primeira operação fez com que ele precisasse passar novamente por uma cirurgia, que foi feita pelo ortopedista e traumatologista Moisés Cohen. Sérgio Freire Júnior também acompanhou o atleta em São Paulo, onde foi realizado o procedimento.

 

De acordo com as previsões estipuladas pelo DM do Cruzeiro, Judivan só retornará aos gramados no segundo semestre de 2017.

Tags: cruzeiro nacional seriea cruzeiroec