Cruzeiro

CRUZEIRO

Ao deixar Cruzeiro, Drubscky diz que era 'subutilizado' e cita 'povoado departamento de futebol'

Ex-diretor de futebol deixou o cargo nesta quinta-feira

postado em 01/10/2020 21:51 / atualizado em 01/10/2020 22:37

(Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro)
Em postagem nas redes sociais, Ricardo Drubscky se manifestou pela primeira vez após deixar o cargo de diretor de futebol do Cruzeiro nesta quinta-feira. Apesar de ter agradecido a oportunidade de trabalhar pela quarta vez no clube, ele se mostrou desapontado por ter sido ‘subutilizado’ na gestão de Sérgio Santos Rodrigues.

Drubscky foi contratado pelo Cruzeiro para trabalhar como diretor de futebol de base em dezembro de 2019. Em março, ele foi chamado pelo Conselho Gestor para assumir a direção de futebol profissional no lugar de Ocimar Bolicenho.

Na mensagem de despedida, o ex-dirigente disse que perdeu força no cargo a partir da chegada da nova gestão do Cruzeiro, que sucedeu o Conselho Gestor em junho. Drubscky ainda citou o que chamou de ‘povoado Departamento de Futebol’.

Hoje, me despeço do Cruzeiro EC após 09 meses de trabalho. Comecei como Diretor de Futebol Profissional, mas com a saída do Conselho Gestor, passei a exercer o cargo de Administrador da Toca II. Aguardando posicionamento da Direção do clube esperava voltar a assumir funções com mais voz no povoado Departamento de Futebol. Isso não aconteceu, mas deixo o clube muito grato por mais essa oportunidade de fazer parte de um gigante do futebol brasileiro. Foi a minha quarta passagem elo Cruzeiro onde já participei de conquistas estaduais, nacionais e internacionais importantes. Infelizmente, desta vez, não pude contribuir da forma que eu esperava. Me senti 'sub-utilizado', apesar do Cargo de Diretor, não me senti inserido no futebol, onde tenho exercido minhas funções há quase quarenta anos", escreveu Drubscky.

Em entrevista ao Superesportes realizada em 26 de junho, Drubscky adotou discurso diferente e falou que seu trabalho ao lado de Deivid na gestão de Sérgio Rodrigues era ‘muito legal’. A reportagem foi publicada em 7 de julho.

“Encontramos eu, Sérgio e o Deivid e acertamos a responsabilidade do futebol ficando sob minha responsabilidade e do Deivid. Passamos duas semanas nos entendendo, até porque eu já o conhecia, mas no dia a dia de trabalho foi a primeira vez. Começamos a nos relacionar, a entender. O departamento de futebol já é uma coisa muito grande em se tratando de um clube de futebol, se tratando de Cruzeiro. São muitas atribuições. A gente está trabalhando em conjunto, cada qual com tarefas bem definidas, mas tomando atitudes conjuntas, estamos conectados. Está sendo muito legal. É uma divisão muito saudável, muito produtiva. São muitas as tarefas, as atribuições, e a gente conseguiu dividir bem. O passar do tempo vai nos fazer afinar ainda mais as ações”, declarou Ricardo Drubscky à época.

Mudanças


Nesta quinta-feira, o presidente Sérgio Santos Rodrigues anunciou mudanças no organograma do Cruzeiro. Com a saída de Drubscky, Deivid passou de diretor técnico de futebol para o posto de diretor executivo de futebol. Benecy Queiroz, que era supervisor, será substituído por Claudiomir Rates - que atuava na base - e assumirá funções administrativas na Toca da Raposa II.



O Cruzeiro também confirmou nesta quinta-feira a chegada de José Carlos Brunoro para a função de consultor de planejamento e estratégia de futebol. Segundo o site oficial do clube, Brunoro “trabalhará diretamente com Deivid, Diretor de Futebol, e com a comissão técnica comandada por Ney Franco, além dos atletas”.


Confira a postagem de Ricardo Drubscky no Instagram:
 
Ver essa foto no Instagram

MUITO OBRIGADO, CRUZEIRO! Mais uma etapa vencida em minha vida profissional. Permanecerei sempre firme no propo%u0301sito de contribuir para a excele%u0302ncia do futebol brasileiro, nos a%u0302mbitos do jogo e da gesta%u0303o dos clubes. Hoje, me despec%u0327o do Cruzeiro EC apo%u0301s 09 meses de trabalho. Comecei como Diretor de Futebol Profissional, mas com a sai%u0301da do Conselho Gestor, passei a exercer o cargo de Administrador da Toca II. Aguardando posicionamento da Direc%u0327a%u0303o do clube esperava voltar a assumir func%u0327o%u0303es com mais voz no povoado Departamento de Futebol. Isso na%u0303o aconteceu, mas deixo o clube muito grato por mais essa oportunidade de fazer parte de um gigante do futebol brasileiro. Foi a minha quarta passagem pelo Cruzeiro onde ja%u0301 participei de conquistas estaduais, nacionais e internacionais importantes. Infelizmente, desta vez, na%u0303o pude contribuir da forma que eu esperava. Me senti %u201Csub-utilizado%u201D, apesar do Cargo de Diretor, na%u0303o me senti inserido no futebol, onde tenho exercido minhas func%u0327o%u0303es ha%u0301 quase quarenta anos. No entanto, neste curto peri%u0301odo, tive o grande prazer de trabalhar bem pro%u0301ximo a pessoas de bem, apaixonadas pelo clube e o%u0301timos profissionais. Foi, como tudo na vida, um grande aprendizado. Desde o peri%u0301odo da implantac%u0327a%u0303o do Conselho Gestor, que fez a transic%u0327a%u0303o poli%u0301tica e administrativa do Cruzeiro, ate%u0301 a gesta%u0303o do presidente Se%u0301rgio Santos Rodrigues, o Cruzeiro vem experimentando dificuldades inimagina%u0301veis. Os dirigentes que esta%u0303o no clube desde o ini%u0301cio de 2020 carregam missa%u0303o das mais difi%u0301ceis. A cada hora do dia surgem %u201Csurpresas%u201D desagrada%u0301veis com urge%u0302ncias na reparac%u0327a%u0303o em a%u0302mbito juri%u0301dico, financeiro e administrativo. Conhecendo o Cruzeiro como conheci em e%u0301pocas passadas eu nunca imaginei vê-lo desta forma. Desejo muita forc%u0327a e sucesso ao grupo que gerencia o clube hoje. Sa%u0303o profissionais de alto gabarito que trouxeram muita energia positiva para a gesta%u0303o atual. Torc%u0327o pelo sucesso de todos os profissionais que la%u0301 esta%u0303o e deste lindo clube centena%u0301rio possuidor de muitas tradic%u0327o%u0303es e conquistas. Obrigado Cruzeiro!!

Uma publicação compartilhada por Ricardo Drubscky (@ricardo.drubscky) em


Tags: cruzeiro brasileiro deivid serieb interiormg seriea ricardo drubscky mercadobola benecy queiroz sérgio santos rodrigues josé carlos brunoro