Futebol Internacional

LIGA DOS CAMPEÕES

Com Rodrygo, Real vence Galatasaray e se recupera na Liga dos Campeões; PSG segue 100%

Galáticos sobem da lanterna do grupo A para a segunda posição, com quatro pontos

postado em 22/10/2019 18:08 / atualizado em 22/10/2019 18:39

<i>(Foto: AFP)</i>
Em grande jogo, o Real Madrid derrotou o Galatasaray por 1 a 0, nesta terça-feira, na Turquia, pela 3ª rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, e se recuperou na tabela.

Com o triunfo, os galáticos sobem da lanterna do grupo A para a segunda posição, com quatro pontos. Toni Kross foi o responsável pelo gol da vitória.

A partida começou bastante disputada. O Galatasaray, embalado pelo seu torcedor, que lotou a Türk Telekom Arena, partiu para cima dos merengues. A equipe turca dominava a partida até que, aos 18 minutos do primeiro tempo, Hazard roubou a bola no meio-campo, fez boa jogada e serviu Kross, que pegou de primeira e contou com um desvio para mandar para o barbante.

O tento do Real desestabilizou os donos da casa. Após o gol, os espanhóis controlaram a partida e garantiram a primeira vitória no torneio europeu.

Courtois teve grande atuação e fez três boas defesas para assegurar o resultado.

Destaque para Rodrygo. O ex-santista de 18 anos fez seu primeiro jogo como titular na Champions League e atuou até os 36 da segunda etapa. Vinícius Júnior substituiu Hazard aos 32 da etapa complementar e atuou junto de Rodrygo apenas quatro minutos.

Paris Saint-Germain goleia o Brugge e segue 100%

No outro jogo do grupo A, o PSG não teve dificuldades, venceu o Club Brugge por 5 a 0 e se consolidou na primeira posição da chave, com nove pontos em três jogos. Mbappé marcou três vezes e Icardi, com dois gols, completou a goleada.

Neymar, machucado, ficou fora de mais um partida. Com a ausência, o brasileiro chegou ao incrível número de 50% de ausência nos jogos do Paris Saint-Germain. Foi a 126ª partida do clube desde sua contratação e a 63ª vez fora. Até o momento, são quatro suspensões e 11 lesões.

Tags: ligadoscampeoes espanhholfut futinternacional