MMA

UFC

Israel Adesanya não se 'impressiona' com Borrachinha, que rebate: 'Eu posso matá-lo'

Novo campeão dos médios deve ter mineiro como primeiro desafiante

postado em 07/10/2019 12:17 / atualizado em 07/10/2019 12:45

<i>(Foto: AFP / ASANKA BRENDO)</i>

Novo campeão linear do peso médio do Ultimate Fighting Championship, Israel Adesanya já tem o primeiro desafiante na mira: Paulo ‘Borrachinha’ Costa. Logo após a conquista do cinturão, com nocaute sobre Robert Whittaker no segundo round, no sábado passado, na atração principal do UFC 243, em Melbourne, na Austrália, o nigeriano subiu na grade do octógono e provocou o mineiro, que acompanhava a luta da plateia. E a troca de farpas entre os lutadores continuou depois do evento.
 
Na entrevista coletiva do UFC 243, Adesanya explicou o desafio e afirmou que Borrachinha não o impressionou. “Eu gosto dessa luta, pois os fãs casuais são burros. Eles pensam que bolo de carne bombado é o cara, enquanto eu ainda sou apenas hype. Eles querem me ver perder, mas vão ter que esperar por um longo tempo. Eu já estava vendendo a minha próxima luta, por isso fiz aquela provocação. Ele é um cara bonito, malhado, parece um modelo de sungas. Ele é básico como lutador. Todos que o enfrentam ficam como um saco de pancadas parados na frente dele, apenas esperando para serem atingidos. Honestamente, não estou nem um pouco impressionado com as performances dele. Mal posso esperar para enfrentá-lo”, disparou o 'Last Stylebender'. 

Em entrevista ao MMA Junkie, Borrachinha rebateu Adesanya e garantiu que pode 'matá-lo' em um eventual duelo pelo título. “Eu sei que ele não consegue lidar comigo quando eu encurtar a distância. Eu posso matá-lo. Acredito que sou o cara mais perigoso da minha divisão. Quando eu colocar as mãos nele, ele vai sentir muito. Sinto que ele pode morrer, com certeza. Agora nós só temos uma luta a fazer. Sou eu contra Israel. Quero essa luta com toda a minha alma. Vou arrancar a cabeça dele no cage”, respondeu. 

Com o nocaute sobre Robert Whittaker, Israel Adesanya ampliou para 18 vitórias seguidas o cartel no MMA. Invicto na carreira, o lutador de 30 anos soma seis triunfos no UFC e passou a dominar a divisão dos médios com a unificação do cinturão - o africano era o campeão interino da categoria desde a vitória por pontos contra Kelvin Gastelum, em abril deste ano. 

Segundo colocado do ranking do peso médio, Paulo Borrachinha também está invito no MMA, com 13 triunfos. Ele vem de vitória por decisão unânime sobre Yoel Romero, em agosto deste ano. Em cinco apresentações no UFC, o mineiro de 28 anos soma quatro nocautes - Garreth McLellan, Oluwale Bamgbose, Johny Hendricks e Uriah Hall. 



Tags: robert whittaker ufc 243 paulo borrachinha israel adesanya