Atlético

ATLÉTICO

De 'patinho feio' a referência: como Hyoran virou protagonista no Atlético

Com gols e boas atuações, meia reconquistou espaço na equipe titular e é peça fundamental do sistema de jogo armado pelo técnico Jorge Sampaoli

postado em 18/01/2021 06:00 / atualizado em 17/01/2021 21:56

(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
No início da trajetória de Jorge Sampaoli no Atlético, Hyoran era nome recorrente nas escalações. Mas o tempo foi passando, e o meia de 27 anos não conseguia justificar a titularidade. Naturalmente, virou alvo de críticas de torcedores, perdeu espaço e foi escanteado no elenco alvinegro. Mas não desistiu. Após um longo período no banco de reservas, aproveitou as oportunidades, ganhou protagonismo e, de ‘patinho feio’, virou referência numa equipe em ascensão na reta final do Campeonato Brasileiro.

Participativo (como sempre foi, mesmo na fase ruim), Hyoran passou a errar menos e, num momento de baixa de nomes como Keno e Eduardo Vargas, assumiu o papel de goleador. Nas últimas três partidas, marcou três gols (todos decisivos): na vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, no empate por 2 a 2 com o Red Bull Bragantino e nos 3 a 1 diante do Atlético-GO, no Mineirão, nesse domingo.


O último deles foi um golaço (assista no vídeo acima): nas proximidades da área, dominou no peito e, sem deixar a bola cair, acertou um balaço no ângulo. "Inspiração é do trabalho do dia a dia. Recompensa de Deus no nosso trabalho, fico muito feliz de acertar um belo chute, mas mais feliz ainda pelo desempenho e pelos três pontos que eram importantes para nós", comemorou o jogador, em entrevista ao canal Premiere.

Mas o que foi feito para que Hyoran se recuperasse e virasse peça fundamental do Atlético de Sampaoli? Segundo o próprio treinador, não houve nenhum trabalho especial para que o meio-campista chegasse ao nível atual. Tudo, de acordo com o comandante, passa pela postura no dia a dia de treinos e jogos.

“Não (foi feito nenhum trabalho especial). Hyoran é um jogador de extrema qualidade, de compromisso com ele mesmo e o time. Foi crescendo, e esse crescimento fez com que ele, hoje, seja um jogador muito importante para nós. Certamente, se mantiver este nível até o fim, vai ser um incremento importante para nós”, afirmou.


Sampaoli, inclusive, quer que a recuperação do meia sirva de exemplo aos outros jogadores do elenco atleticano nesta reta final de Campeonato Brasileiro. O time alvinegro soma 53 pontos - quatro a menos em relação ao primeiro colocado São Paulo, que tem um jogo a mais. “Precisamos disto: que a melhora emocional de Hyoran contagie os demais”, projetou.

Hyoran está emprestado pelo Palmeiras ao Atlético até o fim de fevereiro, quando acaba a Série A. Para manter o jogador, o clube alvinegro precisa exercer o direito de compra. Em 39 partidas desde que chegou à Cidade do Galo, o meia marcou sete gols.

Tags: galo atleticomg interiormg futnacional seriea hyoran