América

AMÉRICA

Diretor do América comenta decisão por jogo-treino contra Atlético: 'É necessário'

Equipes se enfrentarão na próxima quarta-feira, às 10h, na Cidade do Galo

postado em 10/07/2020 15:05 / atualizado em 10/07/2020 15:36

(Foto: Daniel Hott/América)
América enfrentará o Atlético em jogo-treino na próxima quarta feira, às 10h, na Cidade do Galo. A decisão pela realização da partida foi criticada por parte dos torcedores americanos nas redes sociais. 
 
Em live realizada pelo jornalista Paulo Azeredo, o diretor de futebol Paulo Bracks explicou a decisão do clube alviverde. Segundo ele, é preciso dar ritmo ao time antes do retorno oficial do Campeonato Mineiro. 
 
“Os treinos são diferentes, entre os modelos que são feitos pela comissão técnica e o chamado jogo-treino. Nós já estamos na sétima semana de treinamento, nós temos trabalhos técnicos, táticos, de finalização, posse de bola, defesa e a gente também faz coletivo. Nós já fizemos dois coletivos. E o coletivo dentro do seu CT, você faz com seu grupo de atletas. Mas é necessário para um retorno de competição oficial, que se faça um treino mais forte, que se faça um jogo-treino”, avaliou.
 
Bracks lembrou que, no atual cenário esportivo, o América só teria dois adversários disponíveis para a disputa do jogo-treino: Cruzeiro e Atlético.
 
“Antes de começar o nosso campeonato, a gente fez um jogo-treino contra o Inter de Minas, o Uberlândia e o Coimbra. Então, isso é necessário. A palavra para definir um teste desse é: necessário. Hoje, no cenário de BH, a gente tem duas opções para fazer jogo-treino, só tem dois clubes que nós podemos enfrentar hoje antes de voltar à competição oficial: o Atlético e o Cruzeiro. Não tem outro adversário. Então, a decisão foi das diretorias, com a chancela dos treinadores e ela visa exclusivamente parte técnica”, disse.
 
As duas equipes ainda conversam sobre uma possibilidade de transmissão do jogo-treino aos torcedores via streaming. A ideia é aproximar os clubes da torcida em tempos de isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus. 
 
“Tenho conversado com o Atlético sobre fazer uma transmissão por streaming. As assessorias de imprensa estão conversando sobre isso e está sob análise. É do nosso interesse sim, não haverá restrição por parte das comissões técnicas de mostrar esse jogo-treino”, explicou. 
 
O próximo adversário do América na competição regional será o próprio Atlético. A partida está agendada para o dia 26 de julho, às 16h, no estádio Independência, em Belo Horizonte. O jogo pode ter alteração de local pois o prefeito da capital mineira, Alexandre Kalil, é contra a realização de eventos esportivos até segunda ordem.

Kalil só admite mudar de ideia sobre a realização de eventos esportivos se houver redução considerável do números de casos de COVID-19 e também de ocupação de leitos de UTI na cidade.

Dois jogos-treinos?  

O planejamento inicial previa a disputa de dois jogos-treinos entre América e Atlético. Entretanto, as diretorias optaram pela realização de apenas uma partida em função da proximidade com o retorno do Estadual (26 de julho). 
 
“Iriam ser dois. A gente ia fazer um na Cidade do Galo e outro no Lanna Drumond. Isso seria alinhado, mas a gente optou por fazer um só porque o jogo será o dia 26. Poderia ser o Cruzeiro? Poderia. A gente tinha 50% de chance de fazer com o Cruzeiro ou com Atlético. Não tem outro clube para se fazer”, completou Bracks.

Tags: americamg atleticomg interiormg paulo bracks