América

AMÉRICA

América adquire atacante Rodolfo em definitivo até 2023

Camisa 9 é o artilheiro do Coelho na temporada, com 10 gols marcados, e vice-artilheiro da Copa do Brasil, com quatro bolas na rede

postado em 24/09/2020 13:10 / atualizado em 24/09/2020 13:16

(Foto: João Zebral/América)


O América acertou, nesta quinta-feira, a contratação em defintivo do centroavante Rodolfo, que estava emprestado ao clube pelo Capivariano-SP. No novo acordo, o Coelho adquiriu 50% dos direitos federativos do atacante para contar com o jogador até dezembro de 2023.

Rodolfo chegou ao América em janeiro para suprir a saída de Júnior Viçosa e tomou conta da camisa 9 do time. Na atual temporada, o centroavante marcou 10 gols em 24 jogos, além de ter dado quatro assistências. O atacante marcou em todas as três competições que o Coelho disputou em 2020 (Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Série B do Campeonato Brasileiro).

Além disso, Rodolfo é o vice-artilheiro da Copa do Brasil, com quatro gols marcados. Na frente do centroavante estão somente Léo Gamalho (já eliminado com o CRB) e Nenê (Fluminense), com seis bolas na rede cada. O camisa 9 do Coelho foi decisivo para o time na competição, tendo feito gol em todas as fases da competição até aqui - contra Santos-AP, Operário-PR, Ferroviária-SP e Ponte Preta-SP.

Temporada para buscar recordes pessoais e do clube


Aos 28 anos, Rodolfo está perto de alcançara temporada mais artilheira da carreira. Segundo dados dos sites OGol e Soccerway, o recorde foi estabelecido em 2017, quando o atleta defendeu o Boa Esporte e contabilizou 11 gols em 40 jogos - 10 na Série B (30 partidas) e um no Módulo II do Campeonato Mineiro (10 partidas). Os números de 2015 já foram superados: nove gols em 44 jogos.

Com relação aos goleadores do América, Rodolfo já ultrapassou Bill e Rafael Moura, que marcaram nove gols em 2017 e 2018, respectivamente. Em 2016, o lateral-esquerdo Danilo Barcelos, hoje no Fluminense, balançou a rede 10 vezes, assim como o meia Rodriguinho e o atacante Fábio Júnior, em 2013.

Com pelo menos 30 partidas pela frente (28 na Série B e duas na Copa do Brasil), o atual centroavante terá tempo de sobra para bater os números de Júnior Viçosa (11 gols em 2019) e Marcelo Toscano (14 gols em 2015). Os atletas que contabilizaram mais tentos em uma temporada pelo Coelho nesta década foram Fábio Júnior e Obina, com 20 gols cada, em 2012 e 2014.

Tags: atacante artilheiro serieb definitivo interiormg futnacional mercadobola Rodolfo