América

SÉRIE B

América vence o Brasil de Pelotas de virada e iguala pontuação do Cuiabá na Série B

Coelho saiu perdendo no Independência, mas venceu a equipe gaúcha com gols de Léo Passos, de pênalti, e Ademir, duas vezes

postado em 20/10/2020 18:25 / atualizado em 21/10/2020 02:13

(Foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

O América segue embalado na Série B do Campeonato Brasileiro. Na tarde desta terça-feira, o time comandado por Lisca saiu perdendo, mas bateu o Brasil de Pelotas de virada, por 3 a 1, no Independência, em duelo válido pela 17ª rodada da competição. O time visitante saiu na frente com gol de Bruno José, mas Léo Passos e Ademir, duas vezes, garantiram o triunfo do Coelho em seus domínios. 

Foi a quarta vitória seguida do América na competição. O time alviverde soma sete jogos consecutivos de invencibilidade na Série B: quatro vitórias e três empates.

Com o triunfo, o América alcançou 32 pontos, mesmo número do Cuiabá, que jogará apenas nesta quarta-feira, contra o Paraná, na Arena Pantanal. A equipe mato-grossense tem dois gols a mais de saldo.

Os dois times acabaram ultrapassados pela Chapecoense, que chegou a 33 ao golear a Ponte Preta por 5 a 0, no Moisés Lucarelli, em Campinas.

O América volta a campo no próximo sábado, contra o Confiança, às 21h, no Independência. O Brasil de Pelotas joga na sexta-feira, em casa, diante do CSA. A partida começa às 19h15.


O jogo


O técnico Lisca escalou o América com a presença de Juninho, que desfalcou a equipe nas últimas três partidas por causa de uma lesão muscular na coxa esquerda. E o jogador se mostrou muito participativo em seu retorno.

O América iniciou a partida dominando o Brasil de Pelotas. O time comandado por Lisca teve o controle da posse de bola e abusou do ‘perde-pressiona’, deixando os visitantes sem ações para sair do sufoco.

Nos primeiros minutos, o Coelho reclamou de um pênalti, em lance que envolveu Felipe Azevedo, e quase comemorou com Ademir, que arrancou pela direita e parou em grande defesa de Rafael Martins.

Até então inofensivo, o Brasil de Pelotas conseguiu duas boas escapadas no primeiro tempo pelo lado direito. Na primeira, Bruno José recebeu na entrada da área e acertou lindo chute no ângulo de Matheus Cavichioli para abrir o placar: 1 a 0. Logo na sequência, os visitantes tentaram de novo pelo mesmo local. Rodrigo Ferreira cruzou rasteiro para Gabriel Poveda, que finalizou de primeira e acertou a trave.

O susto foi grande, mas o América partiu para o ataque em busca da virada. Após cobrança de escanteio, a bola tocou no braço de João Ananias. A árbitra Charly Wendy Straub Deretti assinalou pênalti, cobrado e convertido pelo atacante Léo Passos, que deslocou o goleiro: 1 a 1.

No fim do primeiro tempo, o América chegou ao gol da virada. O time trabalhou a bola da esquerda para a direita até ela cair nos pés de Ademir, que da entrada da área finalizou colocado, no ângulo de Rafael Martins: 2 a 1.

A etapa final foi de mais disputas e menos chances criadas. O Brasil de Pelotas começou buscando o empate e até criou uma boa oportunidade, com Bruno José, que finalizou com muito perigo.

O América diminuiu o ritmo, mas teve em Felipe Azevedo o jogador mais inspirado do setor ofensivo. Ele parou em ótima defesa de Rafael Martins. Pouco antes, o goleiro do Brasil tentou cortar cruzamento e jogou a bola em seu próprio travessão.

No fim, o Brasil foi para a pressão total. O time visitante tentou em vários cruzamentos chegar ao empate, mas não conseguiu balançar as redes. Para completar, o América ainda marcou o terceiro gol. Ademir ganhou a disputa com o defensor adversário e com o goleiro Rafael Martins e finalizou para o gol vazio no minuto final do confronto: 3 a 1 e festa do Coelho no Independência.

AMÉRICA 3 X 1 BRASIL DE PELOTAS 

 
América
Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Messias, Anderson, Sávio (Sabino, aos 39/2°T); Zé Ricardo (Flávio, aos 15/2°T), Juninho, Geovane (João Paulo, aos 15/2°T); Ademir, Léo Passos (Felipe Augusto, aos 28/2°T) e Felipe Azevedo (Marcelo Toscano, aos 28/2°T)
Técnico: Lisca
 
Brasil de Pelotas
Rafael Martins; Rodrigo Ferreira, Leandro Camilo, Héverton e Bruno Santos; Pablo Oliveira (João Ananias, aos 16/1°T), Souza e Matheus Oliveira (Thalles, aos 29/2°T); Bruno José (Jarro, aos 29/2°T), Gabriel Poveda (Luiz Henrique, no intervalo) e Dellatorre (Danilo Gomes, no intervalo)
Técnico: Hemerson Maria
 
Gols: Bruno José (28/1°T); Léo Passos (37/1°T); Ademir (46/2°T e 49/2°T) 
Cartão amarelo: Sabino (45/2°T) 
 
Motivo: 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Data e horário: terça-feira, 20 de outubro, às 16h30
Local: estádio Independência, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Charly Wendy Straub Deretti (SC)
Assistentes: Éder Alexandre e Eli Alves (SC)

Tags: América serieb interiormg futnacional