Atlético
1

ATLÉTICO

Geuvânio comemora primeiro gol pelo Atlético e projeta 'grande decisão' contra o Cruzeiro

Atacante recebeu elogios do técnico Levir Culpi pela atuação contra o Boa

postado em 07/04/2019 19:10 / atualizado em 07/04/2019 19:28

<i>(Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)</i>

Geuvânio marcou o primeiro gol com a camisa do Atlético na goleada sobre o Boa Esporte (5 a 0), neste domingo, no Mineirão, pelo jogo de volta da semifinal do Campeonato Mineiro. O atacante, de 27 anos, já começou a pensar na final contra o Cruzeiro, uma vez que ele não foi inscrito na Copa Libertadores por ter chegado ao clube depois do envio dos atletas selecionados.

Antes de enfrentar o Cruzeiro, no próximo domingo, no Mineirão, na final do Estadual, o Galo pega o Cerro Porteño, em jogo da fase de grupos da Libertadores. A partida será disputada na quarta-feira, às 19h15, em Assunção, no Paraguai. O Galo precisa da vitória para continuar a reação no torneio da Conmebol.

O gol de Geuvânio foi marcado no início do segundo tempo. O zagueiro Fernando, do Boa Esporte, tropeçou e deixou a bola de presente para o atacante, que invadiu a área e chutou no canto direito do goleiro Renan Rocha.

“Estou muito feliz pela atuação, pela vitória, agora é pensar na primeira decisão do ano contra o Cruzeiro. Agora, é se preparar bem para fazer uma grande final”, disse o atacante.

O atacante afirmou que se adaptou rapidamente ao Atlético. “Desde o dia em que eu cheguei, me senti em casa, fui bem recebido por todos, isso facilita na adaptação do atleta. Tenho me dedicado muito nos treinamentos, sempre tetando fazer essa opção de ir e voltar. Estou me preparando bem, o professor Levir me deu essa oportunidade de começar o jogo, que é muito importante”, afirmou.

 

Elogios de Levir

O técnico Levir Culpi disse que escolheu Geuvânio para substituir Maicon Bolt,  preservado pela comissão técnica, porque queria dar ritmo de jogo ao atacante, que fez apenas o seu segundo jogo com a camisa do Galo. O primeiro foi contra o próprio Boa Esporte, na primeira partida da semifinal do Mineiro, em Varginha. Levir rasgou elogios ao atacante.

“Na hora da escolha, sim, porque optei por ele. Mas não exatamente na parte técnica, tática, física… Só queria proporcionar a estreia (como titular) do Geuvânio também. Mas, dentro de um consenso da comissão técnica, o preservado foi o Bolt. Porque o Bolt veio de uma contusão. Era uma possibilidade que a gente tinha de controlar a parte física dele sem correr maiores riscos, jogando com um atleta que tem nível. Vocês viram como joga bem o Geuvânio. Então, foi excelente. Já dá ritmo para ele. Estamos com os dois em situação para jogar”, afirmou Levir.


Tags: final decisão cruzeiro projeta atlético geuvânio