Atlético

COPA

Com bola aérea fatal, Atlético vence La Equidad e enfrentará Colón na semifinal da Sul-Americana

Réver, Chará e Elias marcaram os gols da vitória por 3 a 1 no El Campín

postado em 27/08/2019 23:20 / atualizado em 28/08/2019 10:01

<i>(Foto: Bruno Cantini/Atlético)</i>

O Atlético está na semifinal da Copa Sul-Americana. Na noite desta terça-feira, o alvinegro visitou La Equidad no estádio El Campín, em Bogotá, na Colômbia, e venceu por 3 a 1, gols de Réver e Chará, ambos após cobranças de escanteio de Cazares, e Elias, após bela jogada coletiva. Mier descontou para os donos da casa. Classificado, o Galo enfrentará o Colón, da Argentina, na próxima fase da competição.


O time alvinegro, que tinha a vantagem após a vitória por 2 a 1, no Independência, se fechou e apostou nos contra-ataques. Sem dar chances para os donos da casa, o Galo aproveitou uma das raras investidas para marcar o gol na etapa inicial. Depois de levar um susto no começo do segundo tempo, o Atlético voltou a ficar à frente do placar rapidamente e controlou o jogo até o fim para garantir a vaga.

Com a classificação, o alvinegro vai enfrentar o Colón, da Argentina, na semifinal. O primeiro jogo acontecerá em 18 ou 19 de setembro, em Santa Fe. O duelo da volta, em 25 ou 26 de setembro, acontecerá no Mineirão.

O Atlético volta a pensar no Campeonato Brasileiro. No próximo domingo, às 19h, o Galo visita o Corinthians, em Itaquera, pela 17ª rodada. 


O jogo

O time alvinegro, que venceu o primeiro jogo em casa, por 2 a 1, jogou com uma proposta diferente em relação à executada no Independência. Se no Horto o Galo controlou as ações, no El Campín a equipe deu a bola para La Equidad e apostou nos contra-ataques. A equipe atleticana terminou a etapa inicial com 25% de posse de bola.

Os donos da casa não ameaçaram. O Atlético, por sua vez, teve a bola em raros momentos. Em um deles, Vinícius conseguiu escanteio. Na cobrança, Cazares mandou a bola na segunda trave para Réver, que ganhou a disputa e tocou de cabeça. O zagueiro tirou a bola quase em cima da linha, mas ela voltou no peito do defensor alvinegro e foi para o fundo das redes: 1 a 0. Depois do gol, que saiu aos 19 minutos, o jogo seguiu no mesmo ritmo e não teve chances claras de gol.

O Atlético voltou desligado para o segundo tempo. Nos primeiros segundos, Camacho finalizou com perigo. Na sequência, Mier recebeu livre nas costas de Elias e finalizou forte da entrada da área, sem chances para Cleiton: 1 a 1.

O gol serviu para acordar o Atlético. Logo depois de sofrer o empate, o time alvinegro foi ao ataque e teve um escanteio. Na cobrança, Cazares colocou na cabeça de Jair, que desviou. Chará apareceu na segunda trave e, de peixinho, mandou a bola para o fundo das redes: 2 a 1.

O time da casa ficou abatido com o gol sofrido. Sem conseguiu entrar na área alvinegra, os colombianos tentavam em chutes de fora da área. Todos foram sem sucesso. O técnico Rodrigo Santana aproveitou a vantagem para mexer na equipe, colocando Zé Welison no lugar de Chará. Com isso, Elias passou a jogar mais adiantado. E a movimentação tática que aconteceu foi fundamental para o Galo ampliar o marcador. 

Em boa jogada pela direita, Patric tabelou com Geuvânio e lançou para Ricardo Oliveira. O centroavante tocou para trás e encontrou Elias, que finalizou de primeira, sem chances para Novoa: 3 a 1. O terceiro gol acabou com as esperanças dos donos da casa. O Galo passou a controlar as ações até o apito final e garantiu a vaga na semifinal da Sul-Americana.

LA EQUIDAD 1 X 3 ATLÉTICO

La Equidad
Diego Novoa; Walmer Pacheco, Danilo Arboleda, Jáider Riquett e Amaury Torralvo; Pablo Lima, Vargas, Stalin Motta (Mier, aos 25/1°T) e David Camacho (De Alba, aos 20/2°T); Barona (González, aos 34/2°T) e Carlos Peralta
Técnico: Humberto Sierra

Atlético
Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Jair e Elias; Chará (Zé Welison, aos 27/2°T), Vinícius (Geuvânio, aos 20/2°T) e Cazares (Otero, aos 39/2°T); Ricardo Oliveira
Técnico: Rodrigo Santana

Gols: Réver, aos 19/1°T; Mier, aos 2/2°T; Chará, aos 5/2°T; Elias, aos 30/2°T
Cartões amarelos: Chará, aos 32/1°T; Vinícius, aos 15/2°T; Riquett, aos 42/2°T; Jair, aos 44/2°T; Pacheco, aos 46/2°T

Motivo: jogo de volta das quartas de final da Copa Sul-Americana
Local: estádio El Campín, em Bogotá, na Colômbia
Data e horário: terça-feira, 27 de agosto, às 21h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Gabriel Popovits (URU) e Martín Soppi (URU)
VAR: Leodan González (URU)

Tags: la equidad atlético galo interiormg sulamericana classificação semifinal colón futinternacional