Atlético

ATLÉTICO

Após derrotas em sequência, Atlético foca em vitória sobre Inter para resgatar confiança

Técnico acredita que triunfo sobre os gaúchos pode impulsionar Galo não apenas no Brasileiro, mas, também, na Copa Sul-Americana

postado em 09/09/2019 07:00 / atualizado em 09/09/2019 18:27

<i>(Foto: Bruno Cantini/Atlético)</i>
A derrota para o Botafogo fez o Atlético atingir o quarto revés seguido na Série A do Campeonato Brasileiro, a pior marca do clube no torneio desde 2011. O técnico Rodrigo Santana, apesar de reconhecer o momento delicado, confia que o duelo contra o Internacional, no próximo domingo, pode ser um divisor de águas.

A pressão é inevitável. O torcedor quer e está acostumado com a vitória. Não será diferente no domingo, contra uma equipe forte como a do Inter. A gente está consciente de que precisa se recuperar e melhorar. Tenho certeza de que não trocaria essas derrotas pela vitória sobre La Equidad. Não trocaria mesmo. Quero estar vivo no Brasileiro e na Copa Sul-Americana. Sabemos da nossa responsabilidade de fechar o turno com uma vitória, depois pensamos em Sul-Americana. No início do returno do Brasileiro, estreamos fora de casa, depois teremos dois jogos em casa. A gente conta muito com os torcedores, lamentamos pelos resultados, por não trazer a felicidade que eles queriam. Mas podem ter certeza de que, no domingo, entraremos fortes para ganhar em casa”, garantiu o comandante. 


A ausência de vitórias no Brasileiro faz Santana não descartar mudanças na equipe titular. Segundo o treinador, os treinos da semana vão mostrar se há necessidade, ou não, de alterar o time para o próximo jogo.

"Vamos trabalhar na semana. Se tiver que fazer alteração, vamos fazer, e buscaremos nosso melhor. No domingo não será fácil jogar de manhã diante de um adversário muito duro. Assistiremos a esse vídeo [da partida contra o Botafogo] friamente para saber se vamos fazer mudanças ou não", disse.

O revés para o alvinegro carioca fez o Atlético se manter estacionado nos 27 pontos. O time ocupa a 8° colocação.

 

O adversário

Assim como o Galo, o Internacional segue vivo em duas frentes nesta temporada. Além do Campeonato Brasileiro, em que abre o G-6, com 30 pontos, o Colorado disputa, nas duas próximas quartas-feiras, a finalíssima da Copa do Brasil, contra o Athletico-PR. Na última rodada, mesmo com os reservas, a equipe gaúcha bateu o São Paulo, em casa, por 2 a 1.

"É uma equipe muito forte, que venceu o São Paulo com uma equipe alternativa, e vêm trabalhando juntos há muitos anos, Odair está há bastante tempo à frente da equipe e faz um belo trabalho. Enfrentamos o Bahia com equipe alternativa, jogamos bem, mas não somamos pontos. Então, não podemos desperdiçar pontos dentro de casa. Vamos com força máxima, trabalhar muito ao longo da semana e tentar somar três pontos diante do Inter. Aí, sim, entraremos no foco da Sul-Americana", comentou.

Leo Silva entre os onze 

Contra o Inter, Santana não vai poder contar com o zagueiro Igor Rabello, expulso no Rio de Janeiro. Santana garantiu a presença de Leonardo Silva no lugar do camisa 16 na próxima partida. “O Leo vem treinando e conhece muito o Réver. Vamos treiná-los e prepará-los para o jogo contra o Inter”, salientou, destacando o entrosamento da dupla de zaga campeã da Libertadores, em 2013.

 

Tags: rodrigo santana atlético futnacional seriea internacionalrs